Biolab Coronar

20mg, caixa com 30 comprimidos

Princípio ativo
:
Mononitrato De Isossorbida
Classe Terapêutica
:
Nitritos e Nitratos
Requer Receita
:
Sim, necessita de Receita
Tipo de prescrição
:
Branca Comum (Venda Sob Prescrição Médica)
Categoria
:
Sistema Cardiovascular (Circulação)
Especialidade
:
Cardiologia

Bula do medicamento

Coronar, para o que é indicado e para o que serve?

Este medicamento é destinado:

  • <li>&#xC0;&amp;nbsp;terapia de ataque e de manuten&#xE7;&#xE3;o na insufici&#xEA;ncia coron&#xE1;ria;</li> <li>&#xC0;&amp;nbsp;terapia de ataque e de manuten&#xE7;&#xE3;o na <a href="https://minutosaudavel.com.br/insuficiencia-cardiaca/" rel="noopener" target="_blank">insufici&#xEA;ncia card&#xED;aca</a> aguda ou cr&#xF4;nica, em associa&#xE7;&#xE3;o aos cardiot&#xF4;nicos, <a href="https://consultaremedios.com.br/pressao-alta/diureticos/c" target="_blank">diur&#xE9;ticos</a> e tamb&#xE9;m aos inibidores da enzima conversora;</li> <li>Durante a ocorr&#xEA;ncia de crises de <a href="https://consultaremedios.com.br/sistema-cardiovascular-circulacao/angina/c" target="_blank">angina</a> ou em situa&#xE7;&#xF5;es que possam desencade&#xE1;-las.</li>

Também é destinado ao tratamento e prevenção da:

  • <li>Angina de esfor&#xE7;o (angina secund&#xE1;ria, angina est&#xE1;vel ou <a href="https://consultaremedios.com.br/b/angina-cronica" target="_blank">angina cr&#xF4;nica</a>);</li> <li>Angina de repouso (angina prim&#xE1;ria, <a href="https://consultaremedios.com.br/b/angina-instavel" target="_blank">angina inst&#xE1;vel</a>, angina de Prinzmetal ou <a href="https://consultaremedios.com.br/b/angina-vasoespastica" target="_blank">angina vasoesp&#xE1;stica</a>);</li> <li>Angina p&#xF3;s-infarto.</li>

Como o Coronar funciona?

{"tag":"hr","value":" <p>Coronar promove uma vasodilata&#xE7;&#xE3;o coronariana e venosa. Possui uma a&#xE7;&#xE3;o relaxante&amp;nbsp;direta sobre a circula&#xE7;&#xE3;o coron&#xE1;ria e circula&#xE7;&#xE3;o venosa.</p> "}

Quais as contraindicações do Coronar?

Você não deve tomar Coronar se tiver alergia ao mononitrato de isossorbida ou aos outros&nbsp;componentes da fórmula.

Este medicamento é contraindicado para uso por pacientes que apresentam pressão arterial baixa (hipotensão).

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Categoria de risco na gravidez: categoria C.

Como usar o Coronar?

Você deve tomar os comprimidos por via oral, sem mastigar e com líquido suficiente para engolir.

Este medicamento não deve ser mastigado.

Posologia do&nbsp;Coronar

{"tag":"hr","value":" <p>A posologia habitual &#xE9; de 1/2 a 1 comprimido, 2 a 3 vezes ao dia, ou a crit&#xE9;rio m&#xE9;dico.</p> <p>Para obten&#xE7;&#xE3;o do efeito terap&#xEA;utico m&#xE1;ximo, tanto na insufici&#xEA;ncia coron&#xE1;ria como na insufici&#xEA;ncia card&#xED;aca, recomenda-se o in&#xED;cio do tratamento com pequenas doses e aument&#xE1;-las progressivamente, de acordo com a resposta terap&#xEA;utica e a tolerabilidade.</p> <p><strong>Siga a orienta&#xE7;&#xE3;o de seu m&#xE9;dico, respeitando sempre os hor&#xE1;rios, as doses e a dura&#xE7;&#xE3;o do tratamento. N&#xE3;o interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu m&#xE9;dico.</strong></p> <h2>O que devo fazer quando eu me esquecer de usar o Coronar?</h2> <hr> <p>Voc&#xEA; pode tomar a dose seguinte como de costume, isto &#xE9;, na hora regular e sem dobrar a dose.</p> <p><strong>Em caso de d&#xFA;vidas, procure orienta&#xE7;&#xE3;o do farmac&#xEA;utico ou de seu m&#xE9;dico, ou cirurgi&#xE3;o-dentista.</strong></p> </hr>"}

Quais cuidados devo ter ao usar o Coronar?

É recomendada cautela em portadores de glaucoma, hipertireoidismo ou anemia severa.

Não há estudos dos efeitos de Coronar comprimido administrado por vias não recomendadas, portanto, para sua segurança e eficácia, utilize o medicamento corretamente, pela via indicada.

Atenção este medicamento contém lactose.

Quais as reações adversas e os efeitos colaterais do Coronar?

Informar ao médico o aparecimento de reações desagradáveis tais como a dor de cabeça&nbsp;(que normalmente desaparece com a continuidade do tratamento), hipotensão e náusea. Coronar é geralmente bem tolerado.

Informe ao seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento. Informe também à empresa através do seu serviço de atendimento.

Qual a composição do Coronar?

Apresentação

Comprimidos simples de 20mg:

Cartucho com 30 comprimidos.

Uso oral.

Uso adulto.

Medicamento similar equivalente ao medicamento de referência.

Composição

Cada comprimido de Coronar&nbsp;contém:
{"tag":"table","value":{"heading":["<table border=\"1\" cellpadding=\"1\" cellspacing=\"1\" style=\"width:100%\"> <tbody> <tr> <td style=\"text-align:center; width:647px\">Mononitrato de isossorbida</td> <td style=\"text-align:center; width:579px\">20 mg</td> </tr> <tr> <td style=\"text-align:center; width:647px\">Excipientes q.s.p.</td> <td style=\"text-align:center; width:579px\">1 comprimido</td> </tr> </tbody> </table>"],"rows":[]}}

Excipientes: lactose, celulose microcristalina, dióxido de silício coloidal, estearato de magnésio e crospovidona.

Superdose: o que acontece se tomar uma dose do Coronar maior do que a recomendada?

Se você tomar uma dose muito grande deste medicamento acidentalmente, deve procurar um médico ou um centro de intoxicação imediatamente. O apoio médico imediato é fundamental para adultos, mesmo se os sinais e sintomas de intoxicação não estiverem presentes.

Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível. Ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações.

Interação medicamentosa: quais os efeitos de tomar Coronar com outros remédios?

Não são conhecidas quaisquer restrições ao uso de Coronar juntamente com alimentos.

O uso concomitante com acetilcolina, anti-histamínicos ou anti-hipertensivos aumenta o efeito hipotensor ortostático dos nitratos, com simpaticomiméticos, pode ter reduzido o seu efeito antianginoso.

O uso concomitante de medicamentos para disfunção erétil como sildenafila&nbsp;ou tadalafila&nbsp;pode causar hipotensão grave e colocar em risco.

Não há dados disponíveis até o momento sobre a interferência de Coronar em testes laboratoriais.

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

Não use medicamento sem o conhecimento do seu médico. Pode ser perigoso para a sua saúde.

Qual a ação da substância do Coronar (Mononitrato de Isossorbida)?

Resultados de Eficácia

{"tag":"hr","value":" <p>A implic&#xE2;ncia cl&#xED;nica deste estudo &#xE9; que o Mononitrato de Isossorbida pode ser empregado sem acarretar altera&#xE7;&#xF5;es hemodin&#xE2;micas no Infarto Agudo do Mioc&#xE1;rdio (IAM), ajudando na preven&#xE7;&#xE3;o e controle da angina p&#xF3;s-infarto, sem provocar a extens&#xE3;o da &#xE1;rea de necrose, do infarto.</p> <p>Emprego do mononitrato-5 de isossorbida no infarto agudo do mioc&#xE1;rdio.</p> <p><strong>Refer&#xEA;ncias:</strong></p> <p><span style=\"font-size:11px\">Leopoldo Soares Piegas; S&#xE9;rgio Timerman; Ari Timerman; Carlos Gun; Rui Fernando Ramos; Edson Renato Romano; Helio Maximiano de Magalh&#xE3;es; Jos&#xE9; Eduardo M.R. Sousa. - Arq. Bras. Cardiol. vol.52/3, p&#xE1;gs. 167-172, Mar&#xE7;o 1989.</span></p> <h2>Caracter&#xED;sticas Farmacol&#xF3;gicas</h2> <hr> <h3>Farmacodin&#xE2;mica</h3> <p>Mononitrato de Isossorbida , por possuir uma a&#xE7;&#xE3;o relaxante direta sobre a circula&#xE7;&#xE3;o coron&#xE1;ria e circula&#xE7;&#xE3;o venosa, faz com que haja um aumento do fluxo coron&#xE1;rio e redu&#xE7;&#xE3;o da pr&#xE9;-carga. Ao ocorrer a venodilata&#xE7;&#xE3;o, h&#xE1; uma diminui&#xE7;&#xE3;o do retorno venoso, do volume card&#xED;aco, da press&#xE3;o diast&#xF3;lica final do ventr&#xED;culo esquerdo, com consequente diminui&#xE7;&#xE3;o da pr&#xE9;-carga e do consumo de oxig&#xEA;nio. Reduzem-se tamb&#xE9;m a press&#xE3;o capilar pulmonar e a press&#xE3;o na art&#xE9;ria pulmonar, sendo este o mecanismo b&#xE1;sico da melhora da performance card&#xED;aca.</p> <p>Concomitantemente &#xE0; a&#xE7;&#xE3;o no sistema venoso, ocorre uma vasodilata&#xE7;&#xE3;o no sistema arterial perif&#xE9;rico, induzindo &#xE0; diminui&#xE7;&#xE3;o da resist&#xEA;ncia vascular sist&#xEA;mica, da press&#xE3;o arterial, da press&#xE3;o sist&#xF3;lica intraventricular e resist&#xEA;ncia &#xE0; eje&#xE7;&#xE3;o ventricular, fazendo com que ocorra um aumento da fra&#xE7;&#xE3;o de eje&#xE7;&#xE3;o, diminui&#xE7;&#xE3;o da p&#xF3;s-carga e do consumo de oxig&#xEA;nio.</p> <p>Ambos os mecanismos, diminui&#xE7;&#xE3;o da pr&#xE9;-carga e da p&#xF3;s-carga, al&#xE9;m de respons&#xE1;veis pelo efeito favor&#xE1;vel do Mononitrato de Isossorbida na insufici&#xEA;ncia card&#xED;aca, s&#xE3;o tamb&#xE9;m importantes, juntamente com o mecanismo abaixo descrito, para seu efeito antianginoso. Desta forma, no que se refere &#xE0; insufici&#xEA;ncia coron&#xE1;ria, &#xE9; importante frisar-se, al&#xE9;m dos mecanismos citados, a dilata&#xE7;&#xE3;o do sistema coron&#xE1;rio e suas colaterais, com redu&#xE7;&#xE3;o da resist&#xEA;ncia coron&#xE1;ria, aumento do fluxo sangu&#xED;neo, diminui&#xE7;&#xE3;o da press&#xE3;o diast&#xF3;lica final do ventr&#xED;culo esquerdo, inibi&#xE7;&#xE3;o do espasmo, aumento e melhora da distribui&#xE7;&#xE3;o da perfus&#xE3;o a n&#xED;vel subendoc&#xE1;rdico, sede mais sens&#xED;vel dos epis&#xF3;dios isqu&#xEA;micos, com consequente aumento da oferta de oxig&#xEA;nio. Quanto &#xE0; dilata&#xE7;&#xE3;o dos grandes ramos coron&#xE1;rios, n&#xE3;o se tem um sequestro sangu&#xED;neo, mas uma redistribui&#xE7;&#xE3;o favor&#xE1;vel da perfus&#xE3;o, com prefer&#xEA;ncia pela zona isqu&#xEA;mica, por aumento do fluxo colateral. Estudos cinecoronariogr&#xE1;ficos, com opacifica&#xE7;&#xE3;o seletiva dos vasos coron&#xE1;rios, antes e ap&#xF3;s a administra&#xE7;&#xE3;o de nitratos, permitiram observar o di&#xE2;metro do calibre das art&#xE9;rias e seu melhor enchimento, tanto em vasos normais como em pacientes com <a href=\"https://consultaremedios.com.br/sistema-cardiovascular-circulacao/aterosclerose/c\" target=\"_blank\">aterosclerose</a>.</p> <h3>Farmacocin&#xE9;tica</h3> <p>Mononitrato de Isossorbida &#xE9; r&#xE1;pida e completamente absorvido pelo trato gastrintestinal ap&#xF3;s administra&#xE7;&#xE3;o oral, sem sofrer &#x201C;efeito de primeira passagem&#x201D; no <a href=\"https://consultaremedios.com.br/aparelho-digestivo/figado/c\" target=\"_blank\">f&#xED;gado</a>, como ocorre com o dinitrato de Mononitrato de Isossorbida. Em consequ&#xEA;ncia, a biodisponibilidade &#xE9; praticamente 100%, a concentra&#xE7;&#xE3;o sang&#xFC;&#xED;nea obtida por via oral &#xE9; semelhante &#xE0; obtida ap&#xF3;s a aplica&#xE7;&#xE3;o intravenosa de dose igual. Pela via oral, sua a&#xE7;&#xE3;o &#xE9; gradual, tendo in&#xED;cio 20 minutos ap&#xF3;s administra&#xE7;&#xE3;o, atingindo concentra&#xE7;&#xE3;o sangu&#xED;nea m&#xE1;xima em 1 a 2 horas.</p> </hr>"}

Como devo armazenar o Coronar?

Você deve conservar Coronar em temperatura ambiente (entre 15°C e 30°C), protegido da&nbsp;luz e da umidade.

Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem.

Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o em sua embalagem original.

Características do medicamento

Os comprimidos de Coronar 20mg são de cor branca, circular, biconvexo e sulcado.

Antes de usar, observe o aspecto do medicamento. Caso ele esteja no prazo de validade e você observe alguma mudança no aspecto, consulte o farmacêutico para saber se poderá utilizá-lo.

Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

Dizeres Legais do Coronar

Registro MS – 1.0974.0091.

Farm. Resp.:
Dr. Dante Alario Jr.
CRF-SP nº&nbsp;5143.

Fabricado por:
Biolab Sanus&nbsp;Farmacêutica Ltda.
Rua Solange Aparecida Montan, 49 - Jandira SP.
CEP:&nbsp;06610-015.
CNPJ 49.475.833/0014-12.
Indústria Brasileira




Registrado por:
Biolab Sanus Farmacêutica Ltda.
Av. Paulo Ayres, 280 - Taboão da Serra – SP.
CEP:&nbsp;06767-220.
CNPJ 49.475.833/0001-06.
Indústria Brasileira




10mg/mL, caixa com 50 ampolas com 1 mL de solução de uso intravenoso

Princípio ativo
:
Mononitrato De Isossorbida
Classe Terapêutica
:
Nitritos e Nitratos
Requer Receita
:
Sim, necessita de Receita
Tipo de prescrição
:
Branca Comum (Venda Sob Prescrição Médica)
Categoria
:
Sistema Cardiovascular (Circulação)
Especialidade
:
Cardiologia

Bula do medicamento

Coronar, para o que é indicado e para o que serve?

Este medicamento é destinado:

  • <li>&#xC0;&amp;nbsp;terapia de ataque e de manuten&#xE7;&#xE3;o na insufici&#xEA;ncia coron&#xE1;ria;</li> <li>&#xC0;&amp;nbsp;terapia de ataque e de manuten&#xE7;&#xE3;o na <a href="https://minutosaudavel.com.br/insuficiencia-cardiaca/" rel="noopener" target="_blank">insufici&#xEA;ncia card&#xED;aca</a> aguda ou cr&#xF4;nica, em associa&#xE7;&#xE3;o aos cardiot&#xF4;nicos, <a href="https://consultaremedios.com.br/pressao-alta/diureticos/c" target="_blank">diur&#xE9;ticos</a> e tamb&#xE9;m aos inibidores da enzima conversora;</li> <li>Durante a ocorr&#xEA;ncia de crises de <a href="https://consultaremedios.com.br/sistema-cardiovascular-circulacao/angina/c" target="_blank">angina</a> ou em situa&#xE7;&#xF5;es que possam desencade&#xE1;-las.</li>

Também é destinado ao tratamento e prevenção da:

  • <li>Angina de esfor&#xE7;o (angina secund&#xE1;ria, angina est&#xE1;vel ou <a href="https://consultaremedios.com.br/b/angina-cronica" target="_blank">angina cr&#xF4;nica</a>);</li> <li>Angina de repouso (angina prim&#xE1;ria, <a href="https://consultaremedios.com.br/b/angina-instavel" target="_blank">angina inst&#xE1;vel</a>, angina de Prinzmetal ou <a href="https://consultaremedios.com.br/b/angina-vasoespastica" target="_blank">angina vasoesp&#xE1;stica</a>);</li> <li>Angina p&#xF3;s-infarto.</li>

Como o Coronar funciona?

{"tag":"hr","value":" <p>Coronar promove uma vasodilata&#xE7;&#xE3;o coronariana e venosa. Possui uma a&#xE7;&#xE3;o relaxante&amp;nbsp;direta sobre a circula&#xE7;&#xE3;o coron&#xE1;ria e circula&#xE7;&#xE3;o venosa.</p> "}

Quais as contraindicações do Coronar?

Você não deve tomar Coronar se tiver alergia ao mononitrato de isossorbida ou aos outros&nbsp;componentes da fórmula.

Este medicamento é contraindicado para uso por pacientes que apresentam pressão arterial baixa (hipotensão).

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Categoria de risco na gravidez: categoria C.

Como usar o Coronar?

Você deve tomar os comprimidos por via oral, sem mastigar e com líquido suficiente para engolir.

Este medicamento não deve ser mastigado.

Posologia do&nbsp;Coronar

{"tag":"hr","value":" <p>A posologia habitual &#xE9; de 1/2 a 1 comprimido, 2 a 3 vezes ao dia, ou a crit&#xE9;rio m&#xE9;dico.</p> <p>Para obten&#xE7;&#xE3;o do efeito terap&#xEA;utico m&#xE1;ximo, tanto na insufici&#xEA;ncia coron&#xE1;ria como na insufici&#xEA;ncia card&#xED;aca, recomenda-se o in&#xED;cio do tratamento com pequenas doses e aument&#xE1;-las progressivamente, de acordo com a resposta terap&#xEA;utica e a tolerabilidade.</p> <p><strong>Siga a orienta&#xE7;&#xE3;o de seu m&#xE9;dico, respeitando sempre os hor&#xE1;rios, as doses e a dura&#xE7;&#xE3;o do tratamento. N&#xE3;o interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu m&#xE9;dico.</strong></p> <h2>O que devo fazer quando eu me esquecer de usar o Coronar?</h2> <hr> <p>Voc&#xEA; pode tomar a dose seguinte como de costume, isto &#xE9;, na hora regular e sem dobrar a dose.</p> <p><strong>Em caso de d&#xFA;vidas, procure orienta&#xE7;&#xE3;o do farmac&#xEA;utico ou de seu m&#xE9;dico, ou cirurgi&#xE3;o-dentista.</strong></p> </hr>"}

Quais cuidados devo ter ao usar o Coronar?

É recomendada cautela em portadores de glaucoma, hipertireoidismo ou anemia severa.

Não há estudos dos efeitos de Coronar comprimido administrado por vias não recomendadas, portanto, para sua segurança e eficácia, utilize o medicamento corretamente, pela via indicada.

Atenção este medicamento contém lactose.

Quais as reações adversas e os efeitos colaterais do Coronar?

Informar ao médico o aparecimento de reações desagradáveis tais como a dor de cabeça&nbsp;(que normalmente desaparece com a continuidade do tratamento), hipotensão e náusea. Coronar é geralmente bem tolerado.

Informe ao seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento. Informe também à empresa através do seu serviço de atendimento.

Qual a composição do Coronar?

Apresentação

Comprimidos simples de 20mg:

Cartucho com 30 comprimidos.

Uso oral.

Uso adulto.

Medicamento similar equivalente ao medicamento de referência.

Composição

Cada comprimido de Coronar&nbsp;contém:
{"tag":"table","value":{"heading":["<table border=\"1\" cellpadding=\"1\" cellspacing=\"1\" style=\"width:100%\"> <tbody> <tr> <td style=\"text-align:center; width:647px\">Mononitrato de isossorbida</td> <td style=\"text-align:center; width:579px\">20 mg</td> </tr> <tr> <td style=\"text-align:center; width:647px\">Excipientes q.s.p.</td> <td style=\"text-align:center; width:579px\">1 comprimido</td> </tr> </tbody> </table>"],"rows":[]}}

Excipientes: lactose, celulose microcristalina, dióxido de silício coloidal, estearato de magnésio e crospovidona.

Superdose: o que acontece se tomar uma dose do Coronar maior do que a recomendada?

Se você tomar uma dose muito grande deste medicamento acidentalmente, deve procurar um médico ou um centro de intoxicação imediatamente. O apoio médico imediato é fundamental para adultos, mesmo se os sinais e sintomas de intoxicação não estiverem presentes.

Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível. Ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações.

Interação medicamentosa: quais os efeitos de tomar Coronar com outros remédios?

Não são conhecidas quaisquer restrições ao uso de Coronar juntamente com alimentos.

O uso concomitante com acetilcolina, anti-histamínicos ou anti-hipertensivos aumenta o efeito hipotensor ortostático dos nitratos, com simpaticomiméticos, pode ter reduzido o seu efeito antianginoso.

O uso concomitante de medicamentos para disfunção erétil como sildenafila&nbsp;ou tadalafila&nbsp;pode causar hipotensão grave e colocar em risco.

Não há dados disponíveis até o momento sobre a interferência de Coronar em testes laboratoriais.

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

Não use medicamento sem o conhecimento do seu médico. Pode ser perigoso para a sua saúde.

Qual a ação da substância do Coronar (Mononitrato de Isossorbida)?

Resultados de Eficácia

{"tag":"hr","value":" <p>A implic&#xE2;ncia cl&#xED;nica deste estudo &#xE9; que o Mononitrato de Isossorbida pode ser empregado sem acarretar altera&#xE7;&#xF5;es hemodin&#xE2;micas no Infarto Agudo do Mioc&#xE1;rdio (IAM), ajudando na preven&#xE7;&#xE3;o e controle da angina p&#xF3;s-infarto, sem provocar a extens&#xE3;o da &#xE1;rea de necrose, do infarto.</p> <p>Emprego do mononitrato-5 de isossorbida no infarto agudo do mioc&#xE1;rdio.</p> <p><strong>Refer&#xEA;ncias:</strong></p> <p><span style=\"font-size:11px\">Leopoldo Soares Piegas; S&#xE9;rgio Timerman; Ari Timerman; Carlos Gun; Rui Fernando Ramos; Edson Renato Romano; Helio Maximiano de Magalh&#xE3;es; Jos&#xE9; Eduardo M.R. Sousa. - Arq. Bras. Cardiol. vol.52/3, p&#xE1;gs. 167-172, Mar&#xE7;o 1989.</span></p> <h2>Caracter&#xED;sticas Farmacol&#xF3;gicas</h2> <hr> <h3>Farmacodin&#xE2;mica</h3> <p>Mononitrato de Isossorbida , por possuir uma a&#xE7;&#xE3;o relaxante direta sobre a circula&#xE7;&#xE3;o coron&#xE1;ria e circula&#xE7;&#xE3;o venosa, faz com que haja um aumento do fluxo coron&#xE1;rio e redu&#xE7;&#xE3;o da pr&#xE9;-carga. Ao ocorrer a venodilata&#xE7;&#xE3;o, h&#xE1; uma diminui&#xE7;&#xE3;o do retorno venoso, do volume card&#xED;aco, da press&#xE3;o diast&#xF3;lica final do ventr&#xED;culo esquerdo, com consequente diminui&#xE7;&#xE3;o da pr&#xE9;-carga e do consumo de oxig&#xEA;nio. Reduzem-se tamb&#xE9;m a press&#xE3;o capilar pulmonar e a press&#xE3;o na art&#xE9;ria pulmonar, sendo este o mecanismo b&#xE1;sico da melhora da performance card&#xED;aca.</p> <p>Concomitantemente &#xE0; a&#xE7;&#xE3;o no sistema venoso, ocorre uma vasodilata&#xE7;&#xE3;o no sistema arterial perif&#xE9;rico, induzindo &#xE0; diminui&#xE7;&#xE3;o da resist&#xEA;ncia vascular sist&#xEA;mica, da press&#xE3;o arterial, da press&#xE3;o sist&#xF3;lica intraventricular e resist&#xEA;ncia &#xE0; eje&#xE7;&#xE3;o ventricular, fazendo com que ocorra um aumento da fra&#xE7;&#xE3;o de eje&#xE7;&#xE3;o, diminui&#xE7;&#xE3;o da p&#xF3;s-carga e do consumo de oxig&#xEA;nio.</p> <p>Ambos os mecanismos, diminui&#xE7;&#xE3;o da pr&#xE9;-carga e da p&#xF3;s-carga, al&#xE9;m de respons&#xE1;veis pelo efeito favor&#xE1;vel do Mononitrato de Isossorbida na insufici&#xEA;ncia card&#xED;aca, s&#xE3;o tamb&#xE9;m importantes, juntamente com o mecanismo abaixo descrito, para seu efeito antianginoso. Desta forma, no que se refere &#xE0; insufici&#xEA;ncia coron&#xE1;ria, &#xE9; importante frisar-se, al&#xE9;m dos mecanismos citados, a dilata&#xE7;&#xE3;o do sistema coron&#xE1;rio e suas colaterais, com redu&#xE7;&#xE3;o da resist&#xEA;ncia coron&#xE1;ria, aumento do fluxo sangu&#xED;neo, diminui&#xE7;&#xE3;o da press&#xE3;o diast&#xF3;lica final do ventr&#xED;culo esquerdo, inibi&#xE7;&#xE3;o do espasmo, aumento e melhora da distribui&#xE7;&#xE3;o da perfus&#xE3;o a n&#xED;vel subendoc&#xE1;rdico, sede mais sens&#xED;vel dos epis&#xF3;dios isqu&#xEA;micos, com consequente aumento da oferta de oxig&#xEA;nio. Quanto &#xE0; dilata&#xE7;&#xE3;o dos grandes ramos coron&#xE1;rios, n&#xE3;o se tem um sequestro sangu&#xED;neo, mas uma redistribui&#xE7;&#xE3;o favor&#xE1;vel da perfus&#xE3;o, com prefer&#xEA;ncia pela zona isqu&#xEA;mica, por aumento do fluxo colateral. Estudos cinecoronariogr&#xE1;ficos, com opacifica&#xE7;&#xE3;o seletiva dos vasos coron&#xE1;rios, antes e ap&#xF3;s a administra&#xE7;&#xE3;o de nitratos, permitiram observar o di&#xE2;metro do calibre das art&#xE9;rias e seu melhor enchimento, tanto em vasos normais como em pacientes com <a href=\"https://consultaremedios.com.br/sistema-cardiovascular-circulacao/aterosclerose/c\" target=\"_blank\">aterosclerose</a>.</p> <h3>Farmacocin&#xE9;tica</h3> <p>Mononitrato de Isossorbida &#xE9; r&#xE1;pida e completamente absorvido pelo trato gastrintestinal ap&#xF3;s administra&#xE7;&#xE3;o oral, sem sofrer &#x201C;efeito de primeira passagem&#x201D; no <a href=\"https://consultaremedios.com.br/aparelho-digestivo/figado/c\" target=\"_blank\">f&#xED;gado</a>, como ocorre com o dinitrato de Mononitrato de Isossorbida. Em consequ&#xEA;ncia, a biodisponibilidade &#xE9; praticamente 100%, a concentra&#xE7;&#xE3;o sang&#xFC;&#xED;nea obtida por via oral &#xE9; semelhante &#xE0; obtida ap&#xF3;s a aplica&#xE7;&#xE3;o intravenosa de dose igual. Pela via oral, sua a&#xE7;&#xE3;o &#xE9; gradual, tendo in&#xED;cio 20 minutos ap&#xF3;s administra&#xE7;&#xE3;o, atingindo concentra&#xE7;&#xE3;o sangu&#xED;nea m&#xE1;xima em 1 a 2 horas.</p> </hr>"}

Como devo armazenar o Coronar?

Você deve conservar Coronar em temperatura ambiente (entre 15°C e 30°C), protegido da&nbsp;luz e da umidade.

Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem.

Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o em sua embalagem original.

Características do medicamento

Os comprimidos de Coronar 20mg são de cor branca, circular, biconvexo e sulcado.

Antes de usar, observe o aspecto do medicamento. Caso ele esteja no prazo de validade e você observe alguma mudança no aspecto, consulte o farmacêutico para saber se poderá utilizá-lo.

Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

Dizeres Legais do Coronar

Registro MS – 1.0974.0091.

Farm. Resp.:
Dr. Dante Alario Jr.
CRF-SP nº&nbsp;5143.

Fabricado por:
Biolab Sanus&nbsp;Farmacêutica Ltda.
Rua Solange Aparecida Montan, 49 - Jandira SP.
CEP:&nbsp;06610-015.
CNPJ 49.475.833/0014-12.
Indústria Brasileira




Registrado por:
Biolab Sanus Farmacêutica Ltda.
Av. Paulo Ayres, 280 - Taboão da Serra – SP.
CEP:&nbsp;06767-220.
CNPJ 49.475.833/0001-06.
Indústria Brasileira




Fabricante: Biolab

© 2021 Medicamento Lab.