Blau Cinton

150mg/mL, caixa com 50 ampolas com 2mL de solução de uso intravenoso ou intramuscular (embalagem hospitalar)

Princípio ativo
:
Cimetidina
Classe Terapêutica
:
Antagonistas Receptores H2
Requer Receita
:
Sim, necessita de Receita
Tipo de prescrição
:
Branca Comum (Venda Sob Prescrição Médica)
Categoria
:
Úlcera E Gastrite
Especialidade
:
Gastroenterologia

Bula do medicamento

Cinton, para o que é indicado e para o que serve?

Este medicamento é destinado ao tratamento de úlceras no estômago e intestino, ao tratamento e prevenção de sangramentos das úlceras, tratamento de azia e outras condições causadas pelo excesso de ácido no estômago.

Como o Cinton funciona?

{"tag":"hr","value":" <p>Cinton reduz a acidez do seu est&#xF4;mago. Age rapidamente ap&#xF3;s a administra&#xE7;&#xE3;o intramuscular ou intravenosa, diminuindo a agress&#xE3;o &#xE1;cida e o desconforto causados pelo excesso de acidez.</p> "}

Quais as contraindicações do Cinton?

Cinton é contraindicado para mulheres grávidas e no período de lactação, para pessoas asmáticas ou com doença cardíaca, nos casos de úlcera gástrica maligna e para pacientes com hipersensibilidade (alergia) conhecida ao fármaco ou a qualquer outro componente da fórmula.

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Como usar o Cinton?

Cinton pode ser usado por via intramuscular ou intravenosa.

A aplicação da injeção deve ser feita por um profissional competente, observando-se as devidas informações técnicas. Fazer higiene rigorosa com álcool no local da aplicação. A aplicação deve ser feita lentamente.

Posologia do&nbsp;Cinton

{"tag":"hr","value":" <h3>Adultos</h3> <h4>Via intramuscular</h4> <p>Administrar 300 mg de Cinton (1 ampola), a cada 4 a 6 horas. A aplica&#xE7;&#xE3;o deve ser feita nas n&#xE1;degas.</p> <h4>Via intravenosa</h4> <h5>Infus&#xE3;o intermitente:</h5> <p>Administrar lentamente 300 mg do medicamento dilu&#xED;do em 100 mL de solu&#xE7;&#xE3;o intravenosa compat&#xED;vel, aplicados durante um per&#xED;odo nunca inferior a 30 minutos. A dose di&#xE1;ria total n&#xE3;o deve exceder 2400 mg (8 ampolas).</p> <h5>Infus&#xE3;o cont&#xED;nua:</h5> <p>300 mg de <a href=\"https://consultaremedios.com.br/cimetidina/bula\" target=\"_blank\">cimetidina</a> dilu&#xED;do em 100 mL de solu&#xE7;&#xE3;o de <a href=\"https://consultaremedios.com.br/cloreto-de-sodio/bula\" target=\"_blank\">cloreto de s&#xF3;dio</a> a 0,9%. A infus&#xE3;o intravenosa cont&#xED;nua deve ter, normalmente, velocidade m&#xE9;dia que n&#xE3;o exceda 75 mg/h durante 24 horas. A dose m&#xE1;xima para infus&#xE3;o intravenosa n&#xE3;o deve exceder 2400 mg/dia (8 ampolas).</p> <h5>Para inje&#xE7;&#xE3;o simples:</h5> <p>Administrar 300 mg em at&#xE9; 20 mL de uma solu&#xE7;&#xE3;o intravenosa compat&#xED;vel, por no m&#xED;nimo 2 minutos. A dose di&#xE1;ria &#xE9; de 800 mg a 1600 mg, em doses individuais.</p> <h3>Crian&#xE7;as</h3> <h4>Rec&#xE9;m-nascidos</h4> <p>Administrar 10 a 15 mg/kg/dia, divididos a cada 4 a 6 horas.</p> <h4>Menores de 1 ano</h4> <p>Administrar 20 mg/kg/dia, divididos a cada 4 a 6 horas.</p> <h4>De 1 a 12 anos</h4> <p>Administrar 20 a 25 mg/kg/dia, divididos a cada 4 a 6 horas.</p> <p><strong>Siga a orienta&#xE7;&#xE3;o de seu m&#xE9;dico, respeitando sempre os hor&#xE1;rios, as doses e a dura&#xE7;&#xE3;o do tratamento. N&#xE3;o interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu m&#xE9;dico.</strong></p> <h2>O que devo fazer quando eu me esquecer de usar o&amp;nbsp;Cinton?</h2> <hr> <p>Caso voc&#xEA; tenha se esquecido de utilizar uma das doses deste medicamento, utilize a dose assim que voc&#xEA; se lembrar. Caso esteja perto do momento da utiliza&#xE7;&#xE3;o da pr&#xF3;xima dose n&#xE3;o utilize uma dose duplicada, omita a dose esquecida. Continue normalmente a utilizar as pr&#xF3;ximas doses, nos hor&#xE1;rios normais. Se tiver esquecido diversas doses, solicitamos que informe ao seu m&#xE9;dico e siga as orienta&#xE7;&#xF5;es dele.</p> <p><strong>Em caso de d&#xFA;vidas, procure orienta&#xE7;&#xE3;o do farmac&#xEA;utico ou de seu m&#xE9;dico, ou cirurgi&#xE3;o-dentista.</strong></p> </hr>"}

Quais cuidados devo ter ao usar o Cinton?

A dose deve ser reduzida em pacientes com função renal comprometida, de acordo com o clearance de creatinina.

As seguintes doses são sugeridas:

  • <li> <em>Clearance </em>de creatinina de 0 mL a 15 mL por minuto: 200 mg, duas vezes ao dia;</li> <li>15 mL a 30 mL por minuto: 200 mg, tr&#xEA;s vezes ao dia;</li> <li>30 mL a 50 mL por minuto: 200 mg, quatro vezes ao dia;</li> <li>Mais de 50 mL por minuto, dose normal.</li>

Geralmente, nenhum ajuste é necessário para doses totais diárias de 400 mg ou menos.

Cimetidina pode prolongar a eliminação de fármacos metabolizados por oxidação no fígado. Recomenda-se o monitoramento rigoroso de pacientes em tratamento com Cimetidina recebendo anticoagulantes orais ou fenitoína. A redução das doses desses fármacos pode ser necessária.

Estudos clínicos envolvendo tratamento contínuo por mais de seis anos e o uso extensivo por mais de quinze anos não revelaram reações adversas imprevistas relacionadas com o tratamento de longa duração. A segurança do uso prolongado, no entanto, não está inteiramente estabelecida e deve-se ter cautela, avaliando-se periodicamente os pacientes.

O tratamento com Cimetidina pode mascarar os sintomas e permitir cura transitória de câncer gástrico. Em particular, deve-se ter em mente a demora potencial no diagnóstico em pacientes na meia idade e idosos com sintomas dispépticos novos ou que mudaram de padrão recentemente.

Deve-se observar regularmente pacientes com histórico de úlcera péptica, principalmente os idosos, em tratamento com Cimetidina e um agente antiinflamatório não-esteroidal.

Em pacientes em tratamento medicamentoso ou com doenças que possam causar queda na contagem de células sanguíneas, deve-se ter em mente a possibilidade de que o antagonismo ao receptor H2 possa potencializar esse efeito.

Em pacientes idosos, pacientes com doença pulmonar crônica, diabetes ou imunocomprometidos pode haver risco aumentado de desenvolver pneumonia adquirida na comunidade. Um amplo estudo epidemiológico demonstrou que pacientes sob tratamento com antagonistas de receptor H2 têm risco aumentado de desenvolver pneumonia comunitária em relação àqueles que interromperam o tratamento, com aumento relativo ajustado do risco de 1.63 (95%CI, 1.07-2.48).

Devido à possibilidade de interação com cumarínicos, recomenda-se rigoroso monitoramento do tempo de protrombina quando Cimetidina for utilizada simultaneamente.

A administração concomitante de medicamentos que possuem faixa terapêutica estreita, como fenitoína e teofilina, pode requerer ajustes da dose da Cimetidina ou sua interrupção.

Populações especiais

Crianças

A experiência em crianças é menor do que em adultos. Em crianças com mais de 1 ano de idade, a dose 25-30 mg/kg de peso corporal /dia em doses divididas pode ser administrada por via oral.

O uso de Cimetidina em bebês menores de 1 ano de idade não foi inteiramente avaliado. A dose de 20 mg/kg de peso corporal em doses divididas tem sido usada.

Idosos

Ver "Como usar o Cimetidina?" e "Quais as reações adversas e os efeitos colaterais do Cimetidina?".

Efeitos na capacidade de dirigir veículos e operar máquinas

Não é esperado que Cimetidina afete a capacidade de dirigir veículos ou operar máquinas com segurança.

Fertilidade

Não houve efeitos na fertilidade feminina e masculina em estudos convenionais de toxicologia reprodutiva em ratos. Em estudos em seres humanos, a Cimetidina não mostrou ter efeito na espermatogênese, na contagem de esperma, mobilidade, morfologia ou na capacidade de fertilização in vitro.

Gravidez e Lactação

Até o momento, a experiência com o uso de Cimetidina em pacientes grávidas é limitada. Embora os testes em animais e as evidências clínicas não tenham identificado qualquer efeito prejudicial à administração de Cimetidina durante a gravidez, estudos em animais e em seres humanos demonstraram que o fármaco atravessa a barreira placentária e é excretado no leite. Portanto, assim como com a maioria dos fármacos, o uso de Cimetidina deve ser evitado durante a gravidez e a lactação, a menos que seja considerado essencial.

Categoria de risco B na gravidez.

Este medicamento não deve ser usado por mulheres grávidas ou que estejam amamentando sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Quais as reações adversas e os efeitos colaterais do Cinton?

Raramente, a cimetidina pode ser associada com alguns efeitos colaterais graves: sinais repentinos de reação alérgica como manchas vermelhas na pele, coceira, inchaço na face, ou outras partes do corpo, respiração ofegante, chiado no peito ou dificuldade para respirar. Se estes sintomas ocorrerem, procure tratamento imediatamente.

Alguns pacientes do sexo masculino podem apresentar crescimento das mamas, contate seu médico se isto lhe ocorrer.

Outros efeitos que ocorrem raramente são:

Diarreia; reações alérgicas, geralmente na pele; úlceras na boca, infecção na garganta; contundir-se mais facilmente; problemas renais (os sintomas incluem alteração na quantidade e coloração da urina, náuseas, vômitos, confusão, febre e manchas vermelhas); confusão (usualmente em pacientes idosos ou gravemente enfermos); inflamação do fígado, podendo causar um ou mais dos&nbsp;sintomas de náusea, vômito, perda de apetite, sensação de mal-estar, febre,&nbsp;coceira, olhos e pele amarelos e urina escura; batimento cardíaco diminuído ou irregular, tontura, cansaço, desmaio; sensação de tristeza, depressão; ver/sentir/ouvir coisas que não estão realmente ali (alucinações). Estas condições devem voltar ao normal quando você para de usar cimetidina.

Se você sentir estes efeitos colaterais ou qualquer efeito colateral não mencionado nesta bula, por favor, informe seu médico.

A injeção intramuscular pode provocar dor leve e transitória no local da aplicação.

Informe ao seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento. Informe também a empresa através do seu serviço de atendimento.

População Especial

Insuficiência renal e hepático

O medicamento deve ser administrado com cautela a pacientes com problemas nos rins ou fígado.

Gravidez

Até o momento a experiência com o uso de cimetidina em pacientes grávidas é limitada e dados adequados sobre o uso durante a amamentação não são disponíveis. Porém, sabe-se que a cimetidina atravessa a barreira placentária e é encontrada em altas concentrações no leite materno. Assim, a cimetidina não deve ser usada durante a gravidez e lactação.

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Qual a composição do Cinton?

Cada mL solução injetável contém:

171,6 mg de&nbsp;Cloridrato de cimetidina (equivalente a 150 mg de cimetidina).

Excipientes: hidróxido de sódio, fenol e água para injetáveis.

Apresentação do&nbsp;Cinton

{"tag":"hr","value":" <p>Solu&#xE7;&#xE3;o injet&#xE1;vel. Embalagem contendo 50 ampolas com 2 mL.</p> <p><strong>Via de administra&#xE7;&#xE3;o: intramuscular ou intravenosa.</strong></p> <p><strong>Uso adulto e pedi&#xE1;trico.</strong></p> "}

Superdose: o que acontece se tomar uma dose do Cinton maior do que a recomendada?

Se você utilizou acidentalmente, uma dose maior do que deveria, avise seu médico imediatamente e procure atendimento em um hospital. Como não existe antídoto específico para intoxicação por cimetidina, o seu médico realizará um tratamento sintomático e de suporte.

Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível. Ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações.

Interação medicamentosa: quais os efeitos de tomar Cinton com outros remédios?

A cimetidina interfere tanto na absorção quanto no metabolismo de algumas substâncias, portanto pode apresentar as seguintes interações:

Ação diminuída por antiácidos, anticolinérgicos e metoclopramida; aumentar a ação e reações adversas de antidepressivos tricíclicos, benzodiazepina, bloqueador de canal de cálcio, cafeína, carbamazepina, cloroquina, fenitoína, lidocaína, metronidazol, propranolol, teofilina e varfarina. Pode diminuir a ação do cetoconazol, digoxina, fluconazol, indometacina, tetraciclina e sais de ferro. Pode provocar aumento de reações adversas de analgésicos narcóticos.

Não fumar, nem ingerir bebida alcoólica durante o tratamento.

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

Não use medicamento sem o conhecimento do seu médico. Pode ser perigoso para a sua saúde.

Qual a ação da substância do Cinton (Cimetidina)?

Resultados de Eficácia&nbsp;

{"tag":"hr","value":" <p>Cimetidina demonstrou efic&#xE1;cia no tratamento da &#xFA;lcera duodenal em 88% dos pacientes, quando utilizado em duas doses di&#xE1;rias de 400 mg por oito semanas. Nas formas grau I da esofagite p&#xE9;ptica, a dose de 800 mg, duas vezes ao dia, atinge efic&#xE1;cia de 72 a 92%.</p> <p><strong>Refer&#xEA;ncias Bibliogr&#xE1;ficas</strong></p> <p><span style=\"font-size:11px\">ZATERKA, S. e al. Very-low dose antacid in treatment of duodenal ulcer. Comparison with cimetidine. Dig Dis Sci, 36(10): 1377- 1383, 1991.<br> TYTGAT, GN. Efficacy of different doses of cimetidine in the treatment of reflux esophagitis. A review of three large, double-blind, controlled trials. Gastroenterology, 99 (3): 629-634, 1990.</br></span></p> <h2>Caracter&#xED;sticas Farmacol&#xF3;gicas</h2> <hr> <h3>Propriedades farmacodin&#xE2;micas</h3> <p>Cimetidina cont&#xE9;m como princ&#xED;pio ativo a cimetidina, quimicamente a N-ciano-N&#x2019;-metil-N&#x201D;- [2-[ [(5-metil-1H-imidazol-4-il) metil] tio] etil] guanidina, que inibe, de modo seletivo e competitivo, a a&#xE7;&#xE3;o da histamina nos receptores H<sub>2</sub> das c&#xE9;lulas parietais.</p> <p>Cimetidina &#xE9; o primeiro da classe de agentes farmacol&#xF3;gicos chamada antagonistas dos receptores H<sub>2</sub> da histamina.</p> <p>Cimetidina inibe a secre&#xE7;&#xE3;o g&#xE1;strica &#xE1;cida basal e a estimulada, reduzindo tanto o volume quanto a acidez da secre&#xE7;&#xE3;o. O grau de inibi&#xE7;&#xE3;o &#xE1;cida depende da dose e da concentra&#xE7;&#xE3;o s&#xE9;rica da droga. Cimetidina n&#xE3;o diminui a secre&#xE7;&#xE3;o de pepsina, mas sua produ&#xE7;&#xE3;o total fica reduzida, como consequ&#xEA;ncia do efeito exercido sobre o volume das secre&#xE7;&#xF5;es g&#xE1;stricas. Cimetidina n&#xE3;o influencia os n&#xED;veis s&#xE9;ricos de gastrina. Al&#xE9;m de seu efeito antissecretor, Cimetidina &#xE9; dotado de atividades citoprotetoras e, portanto, exerce efeito ben&#xE9;fico na manuten&#xE7;&#xE3;o da integridade da barreira mucosa g&#xE1;strica. A suspens&#xE3;o da terapia com Cimetidina n&#xE3;o promove rebote &#xE1;cido, mesmo ap&#xF3;s tratamento muito prolongado. Cimetidina n&#xE3;o possui propriedades colin&#xE9;rgicas nem anticolin&#xE9;rgicas e, assim, n&#xE3;o interfere na motilidade gastrintestinal.</p> <h3>Propriedades farmacocin&#xE9;ticas</h3> <p>Ap&#xF3;s administra&#xE7;&#xE3;o oral, Cimetidina &#xE9; absorvido no intestino de forma r&#xE1;pida e eficiente. Cerca de 70% da dose oral &#xE9; aproveitada, sendo o pico de concentra&#xE7;&#xE3;o s&#xE9;rica alcan&#xE7;ado entre 60 e 90 minutos, guardando correla&#xE7;&#xE3;o com a dose empregada.</p> <p>Ao contr&#xE1;rio de outros antagonistas H<sub>2</sub>, a biodisponibilidade de Cimetidina &#xE9; muito uniforme. Cimetidina reduz a acidez, mantendo as flutua&#xE7;&#xF5;es fisiol&#xF3;gicas do pH intrag&#xE1;strico. A meia vida de Cimetidina &#xE9; de, aproximadamente, duas horas, e sua principal via de elimina&#xE7;&#xE3;o &#xE9; a urina, atrav&#xE9;s da qual 60% a 70% de Cimetidina s&#xE3;o excretados de forma inalterada.</p> </hr>"}

Como devo armazenar o Cinton?

O produto deve ser mantido em sua embalagem original, em local fresco entre 8 ºC e 15ºC, protegido da luz e umidade.

Prazo de validade: 24 meses a partir da data de fabricação.

Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem.

Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o em sua embalagem original.

Características do medicamento

Solução límpida, incolor a levemente amarelada de odor característico, isenta de partículas visíveis.

Antes de usar, observe o aspecto do medicamento. Caso ele esteja no prazo de validade e você observe alguma mudança no aspecto, consulte o farmacêutico para saber se poderá utilizá-lo.

Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

Dizeres Legais do Cinton

Reg. MS nº 1.1637.0097

Farm. Resp.:
Satoro Tabuchi
CRF-SP n° 4.931

Fabricado por:
Blau Farmacêutica S.A.
CNPJ 58.430.828/0013-01
Rua Adherbal Stresser, 84.
CEP 05566-000– São Paulo – SP
Indústria Brasileira




Registrado por:
Blau Farmacêutica S.A.
CNPJ 58.430.828/0001-60
Rodovia Raposo Tavares Km 30,5 n° 2833 - Prédio 100
CEP 06705-030 Cotia – SP
Indústria Brasileira




Venda sob prescrição médica.

Fabricante: Blau

© 2021 Medicamento Lab.