Chiesi Bramitob

75mg/mL, caixa com 56 flaconetes com 4mL de solução de uso inalatório

Princípio ativo
:
Tobramicina
Classe Terapêutica
:
Aminoglicosídeos
Requer Receita
:
Sim, necessita de Receita
Tipo de prescrição
:
Branca 2 vias (Antibiótico - Venda Sob Prescrição Médica mediante Retenção da Receita)
Categoria
:
Antibióticos
Especialidade
:
Infectologia

Bula do medicamento

Mensagens de Alerta

Este medicamento é contraindicado para menores de 6 anos de idade.

Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

Bramitob, para o que é indicado e para o que serve?

Bramitob é indicado para o tratamento de infecções respiratórias causadas por Pseudomonas aeruginosa (Pa), frequente em pacientes com fibrose cística.

Esse medicamento mata a bactéria Pseudomonas que causa sérias infecções pulmonares e ajuda a melhorar a respiração. Uma vez que Bramitob é inalado, a tobramicina penetra no pulmão e age contra as bactérias causadoras da infecção.

Para alcançar melhores resultados, utilize o medicamento como indicado nas instruções.

Como o Bramitob funciona?

Tobramicina é um antibiótico, ou seja, uma substância capaz de inibir (impedir) o crescimento de microrganismos (bactérias) e combatê-los. A tobramicina age contra infecções causadas por bactérias conhecidas como Pseudomonas aeruginosa.

A Pseudomonas é uma bactéria que pode infectar os pacientes com fibrose cística (FC) em um determinado período da vida. Algumas pessoas não apresentam essa infecção até o final de suas vidas, enquanto outras são infectadas muito jovens.

Se a infecção não for corretamente controlada, ela continuará a causar danos aos pulmões, resultando em outros problemas. Para alcançar melhores resultados, utilize o medicamento como indicado nas instruções.

A ação farmacológica do medicamento ocorre a longo prazo. A melhora das funções pulmonares será perceptível após a primeira fase do tratamento (28 dias). O tempo total do seu tratamento será determinado por seu médico.

Quais as contraindicações do Bramitob?

Você não deve usar Bramitob se for alérgico (hipersensível) à tobramicina, ou a qualquer outro antibiótico da classe dos aminoglicosídeos, ou a qualquer uma das outras substâncias de Bramitob, ou se estiver em tratamento com diuréticos como a furosemida ou ácido etacrínico.

Como usar o Bramitob?

Para permitir a aplicação do medicamento Bramitob é necessária a utilização de aparelho nebulizador pneumático reutilizável PARI LC PLUS com compressor adequado. O aparelho deve estar limpo, seco, ser regularmente desinfetado e ser apenas para uso pessoal.

Em caso de dúvida, confirme com seu médico ou fisioterapeuta qual nebulizador você deve usar.

O flaconete de dose única de Bramitob deve ser aberto apenas antes do uso. Qualquer solução restante deve ser imediatamente descartada.

O medicamento é para uso inalatório e não deve ser ingerido (tomado).

Leia atentamente as instruções para o uso correto. Se necessário, consulte o seu médico para obter explicações mais detalhadas.

Instruções de uso

Lave as mãos com sabonete e água antes de abrir o flaconete de dose única de acordo com as seguintes instruções:

{"tag":"ol","value":" <li>Dobre o flaconete de dose &#xFA;nica em ambas as dire&#xE7;&#xF5;es (figura A).</li> "}

{"tag":"ol","value":" <li>Separe o flaconete de dose &#xFA;nica a partir da tira, primeiramente acima e depois no meio (figura B).</li> "}

{"tag":"ol","value":" <li>Abra o flaconete de dose &#xFA;nica por rota&#xE7;&#xE3;o da aba como indicado pela flecha (figura C).</li> "}

{"tag":"ol","value":" <li>Exercendo uma press&#xE3;o moderada nas paredes do flaconete de dose &#xFA;nica, permita que o produto flua para dentro do tubo de vidro do nebulizador (figura D).</li> "}

{"tag":"ol","value":" <li>Ligue o nebulizador.</li> <li>Cheque se existe uma &#x201C;n&#xE9;voa&#x201D; permanente saindo do bocal.</li> <li>Sente-se ou permane&#xE7;a em p&#xE9; para que voc&#xEA; possa respirar normalmente.</li> <li>Coloque o bocal entre seus dentes e acima da l&#xED;ngua. Respire normalmente, mas apenas pela boca (voc&#xEA; pode usar um prendedor no nariz para auxili&#xE1;-lo). Procure n&#xE3;o tampar o fluxo de ar com sua l&#xED;ngua.</li> <li>Continue at&#xE9; que todo o produto seja utilizado. Isso levar&#xE1; aproximadamente 15 minutos.</li> <li>Se voc&#xEA; precisar interromper, tossir ou descansar durante a inala&#xE7;&#xE3;o, desligue o compressor para n&#xE3;o desperdi&#xE7;ar o produto. Ligue o compressor novamente quando achar que est&#xE1; pronto para recome&#xE7;ar a inala&#xE7;&#xE3;o.</li> "}

Limpeza e desinfecção do nebulizador

{"tag":"ol","value":" <li>Ap&#xF3;s o t&#xE9;rmino da nebuliza&#xE7;&#xE3;o, lave todas as partes do nebulizador (exceto o compressor) com &#xE1;gua quente e detergente l&#xED;quido. Enx&#xE1;gue e seque com panos limpos, secos e livres de fibras.</li> <li>&#xC9; importante que voc&#xEA; desinfete regularmente seu nebulizador, utilizando um dos m&#xE9;todos abaixo:</li> "}
  • <li>Coloque todas as partes isoladas (exceto o compressor) em uma solu&#xE7;&#xE3;o composta por uma parte de vinagre e tr&#xEA;s partes de &#xE1;gua bem quente durante 1 hora. Enxague todas as partes do nebulizador com &#xE1;gua quente e seque com panos limpos, livre de fibras. Jogue fora a solu&#xE7;&#xE3;o de vinagre;&amp;nbsp;</li> <li>Desinfete as partes do nebulizador (exceto o compressor) com &#xE1;gua fervente por 10 minutos. Seque as partes do nebulizador com um pano limpo e livre de fibras.</li>

Cuidando do seu nebulizador: Siga as instruções do fornecedor para o cuidado e utilização do nebulizador.

Quanto usar

A solução deve ser administrada por meio de aparelho para nebulização (aerossolterapia) e não dever ser ingerida (tomada) ou injetada.

Em relação à duração do tratamento, seguir as orientações de seu médico.

A dose é a mesma para todos os pacientes acima de 6 anos de idade

  • <li>1 flaconete (300 mg), duas vezes ao dia, (12 em 12 horas), ou seja, 1 flaconete de manh&#xE3; e outro &#xE0; noite, durante 28 dias;</li> <li>Ap&#xF3;s os primeiros 28 dias de tratamento, voc&#xEA; deve ficar 28 dias sem utilizar Bramitob, e voltar a utilizar Bramitob por mais 28 dias;</li> <li>&#xC9; importante que voc&#xEA; continue utilizando o medicamento 2 vezes ao dia (1 flaconete a cada 12 horas), durante o tratamento de 28 dias e que voc&#xEA; mantenha o ciclo de 28 dias com Bramitob /28 dias sem Bramitob, enquanto seu m&#xE9;dico achar necess&#xE1;rio.</li>

O limite máximo diário é de 2 doses de Bramitob (60mg) ao dia.

Siga a orientação de seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento. Não interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu médico.

O que devo fazer quando eu me esquecer de usar o Bramitob?

Você não deve usar Bramitob duas vezes em um período de 6 horas.

Faça a inalação com Bramitob se ainda faltam pelo menos 6 horas para a próxima inalação.

Esqueça essa inalação se a próxima inalação for a menos de 6 horas.

Em caso de dúvidas, procure a orientação do farmacêutico ou de seu médico, ou cirurgião-dentista.

Quais cuidados devo ter ao usar o Bramitob?

A tobramicina, princípio ativo do Bramitob, é um dos grupos de medicamentos que podem levar à perda de audição, vertigem (tontura) e danos nos rins. É importante que você diga ao seu médico caso algum dos seguintes problemas venha a ocorrer:

Obstrução pulmonar

Inalar medicamentos pode causar fechamento dos brônquios (impedimento da passagem de ar através dos pulmões, dificultando a respiração), e isto pode ocorrer com Bramitob.

Seu médico irá supervisionar sua primeira dose de Bramitob e irá avaliar as funções do pulmão antes e depois da dose.

Seu médico deverá indicar o uso de um broncodilatador (medicamento utilizado para diminuir a falta de ar, por exemplo, salbutamol) antes de usar Bramitob, caso você ainda não esteja usando.

Problemas de fraqueza nos músculos

Você deve avisar seu médico caso já tenha apresentado algum tipo de fraqueza muscular, um sintoma principalmente relacionado a condições como doença de Parkinson ou miastenia, incluindo miastenia grave.

Problemas nos rins

Você deve avisar seu médico se já sofreu de algum problema nos rins. Antes de iniciar o tratamento com Bramitob, seu médico deve avaliar se seus rins estão funcionando normalmente, e reavaliar regularmente os rins durante o tratamento.

Problemas de audição

Você deve avisar seu médico se já enfrentou algum dos problemas abaixo:

  • <li><a href="https://consultaremedios.com.br/doenca-nos-ouvidos/zumbido/c" target="_blank">Zumbido</a> nos ouvidos;</li> <li>Qualquer outro problema nos ouvidos;</li> <li>Vertigem (tontura).</li>

Seu médico deve testar sua audição antes do início da utilização de Bramitob ou a qualquer momento durante seu tratamento com Bramitob.

Sangue na saliva

Informe seu médico se você está expelindo (aparecer) sangue na saliva. Medicamentos para inalação podem causar tosse e seu médico pode determinar a interrupção do tratamento com Bramitob até que pouco ou nenhum sangue apareça na sua saliva.

Problemas de resistência à Pseudomonas

Resistência pode acontecer com qualquer tratamento com antibiótico.

Pacientes utilizando Bramitob podem desenvolver resistência à Pseudomonas. Informe seu médico se você estiver preocupado com isso.

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro&nbsp;medicamento.

Não use medicamento sem o conhecimento do seu médico. Pode ser perigoso para a sua saúde.

Quais as reações adversas e os efeitos colaterais do Bramitob?

Como todos os medicamentos, Bramitob pode causar reações adversas, embora nem todos os pacientes apresentem esses efeitos.

Reação comum (ocorre entre 1% e 10% dos pacientes que utilizam este medicamento)

  • <li>Dificuldade em respirar;</li> <li>Tosse;</li> <li>Ru&#xED;do durante a respira&#xE7;&#xE3;o;</li> <li>Expectora&#xE7;&#xE3;o aumentada;</li> <li>Rouquid&#xE3;o;</li> <li>Altera&#xE7;&#xE3;o na voz e <a href="https://consultaremedios.com.br/aparelho-digestivo/nauseas/c" target="_blank">n&#xE1;useas</a>.</li>

Reação incomum (ocorre entre 0,1% e 1% dos pacientes que utilizam este medicamento)

  • <li>&amp;nbsp;Candid&#xED;ase na boca;</li> <li>Vertigem (tontura);</li> <li>Perda de audi&#xE7;&#xE3;o;</li> <li>Resultados reduzidos de testes da fun&#xE7;&#xE3;o pulmonar;</li> <li>Aumento na saliva&#xE7;&#xE3;o;</li> <li>Inflama&#xE7;&#xE3;o na l&#xED;ngua;</li> <li>Erup&#xE7;&#xE3;o cut&#xE2;nea (vermelhid&#xE3;o/bolinhas vermelhas na pele);</li> <li>Aumento do n&#xED;vel de transaminases (enzimas hep&#xE1;ticas) no sangue;</li> <li>Piora da tosse;</li> <li>&amp;nbsp;Faringite (inflama&#xE7;&#xE3;o da faringe).</li>

Reações raras (ocorre entre 0,01% e 0,1% dos pacientes que utilizam este medicamento)

  • <li><a href="https://minutosaudavel.com.br/laringite-o-que-e-remedios-tratamento-sintomas-e-causas/" rel="noopener" target="_blank">Laringite</a> (inflama&#xE7;&#xE3;o da laringe);</li> <li>Perda de apetite;</li> <li>Tontura;</li> <li>&amp;nbsp;Dores de cabe&#xE7;a;</li> <li>Perda de voz;</li> <li><a href="https://minutosaudavel.com.br/zumbido-no-ouvido/" rel="noopener" target="_blank">Zumbido no ouvido</a> (tinido);</li> <li>Perda de audi&#xE7;&#xE3;o;</li> <li>Aperto no peito ou dificuldade de respirar;</li> <li>Doen&#xE7;as do pulm&#xE3;o;</li> <li>Aumento de escarro;</li> <li>Tosse com sangue;</li> <li>Sangramento nasal;</li> <li>Coriza;</li> <li> Rinite;</li> <li>&amp;nbsp;Asma;</li> <li><a href="https://consultaremedios.com.br/aparelho-digestivo/ulcera/c" target="_blank">&#xDA;lcera</a> na boca;</li> <li>V&#xF4;mito;</li> <li>Altera&#xE7;&#xE3;o no paladar;</li> <li>Dores de garganta e no peito;</li> <li>Perda de resist&#xEA;ncia;</li> <li><a href="https://consultaremedios.com.br/dor-febre-e-contusao/c" target="_blank">Febre</a>;</li> <li>Dores.</li>

Reações muito raras (ocorre em menos de 0,01% dos pacientes que utilizam este medicamento)

  • <li>Infec&#xE7;&#xE3;o por fungos;</li> <li>Aumento das gl&#xE2;ndulas linf&#xE1;ticas;</li> <li>Alergia (hipersensibilidade);</li> <li>Sonol&#xEA;ncia;</li> <li>Poblemas nos ouvidos;</li> <li>Hiperventila&#xE7;&#xE3;o;</li> <li>Hip&#xF3;xia (baixo teor de oxig&#xEA;nio no corpo como um todo);</li> <li> Sinusite;</li> <li> Diarreia;</li> <li> Dores nas costas e abdominais;</li> <li>Coceira (<a href="https://minutosaudavel.com.br/urticaria/" rel="noopener" target="_blank">urtic&#xE1;ria</a>, prurido);</li> <li>Mal-estar.</li>

Informe ao seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações&nbsp;indesejáveis pelo uso do medicamento. Informe também à empresa através do seu serviço&nbsp;de atendimento.&nbsp;

População Especial

Efeitos sobre a capacidade de Conduzir e Utilizar Máquinas:

Em raros casos Bramitob pode causar tontura. É possível que Bramitob afete sua habilidade de dirigir ou operar máquinas.

Gravidez e Lactação

Bramitob não deve ser usado durante a gravidez e lactação a não ser que o médico avalie que os benefícios para a mãe sejam maiores que os riscos ao feto ou bebê.

Gravidez

Os possíveis efeitos colaterais (indesejados) da inalação de Bramitob na gravidez são desconhecidos. No entanto, altos níveis de tobramicina ou de medicamentos similares no sangue, que podem ocorrer quando são administrados por injeção, podem causar danos ao feto (exemplo surdez).

Se você quer engravidar ou está grávida, pergunte ao seu médico sobre as possibilidades da tobramicina causar qualquer dano.

Lactação

Se você está amamentando, informe esse fato a seu médico antes de usar Bramitob. Não se sabe ao certo se a tobramicina inalada irá resultar em concentrações suficientes para causar danos ao seu bebê.

Crianças

Bramitob não deve ser utilizado em crianças abaixo de 6 anos de idade.

Idosos

Idosos podem ter o funcionamento dos rins reduzido (diminuído). Portanto o uso de Bramitob será cuidadosamente avaliado pelo médico para cada caso.

Pacientes com problemas nos rins

Se você tem problemas nos rins conhecidos ou suspeitos, o uso de Bramitob será cuidadosamente avaliado pelo seu médico.

Pacientes com problemas no fígado

Não é necessário ajustar a dose de Bramitob se você tiver problemas no fígado, como insuficiência hepática.

Qual a composição do Bramitob?

Cada flaconete de 4 mL contém:&nbsp;

{"tag":"table","value":{"heading":["<table border=\"1\" cellpadding=\"1\" cellspacing=\"1\" style=\"width:100%\"> <tbody> <tr> <td style=\"text-align:center; width:554px\"><strong>Tobramicina</strong></td> <td style=\"text-align:center; width:568px\">300mg</td> </tr> <tr> <td style=\"text-align:center; width:554px\"><strong>Ve&#xED;culo q.s.p</strong></td> <td style=\"text-align:center; width:568px\">4,0mL</td> </tr> </tbody> </table>"],"rows":[]}}

Excipientes: cloreto de sódio, ácido sulfúrico, hidróxido de sódio, água para injetáveis e nitrogênio (se necessário).

Superdose: o que acontece se tomar uma dose do Bramitob maior do que a recomendada?

Se você inalou mais Bramitob do que o necessário você poderá ter uma rouquidão bem forte. Informe seu médico assim que possível.

Em casos de ingestão acidental de Bramitob, a toxicidade é improvável, uma vez que Bramitob é pouco absorvido.

No caso de inadvertida administração injetável de Bramitob, podem ocorrer sinais e sintomas de superdose de tobramicina parenteral, como

  • <li>Tontura;</li> <li>Zumbido no ouvido;</li> <li>Vertigem;</li> <li>Perda de audi&#xE7;&#xE3;o;</li> <li>Dificuldade respirat&#xF3;ria e/ou bloqueio neuromuscular;</li> <li>Danos renais.</li>

A toxicidade aguda deve ser tratada com a suspensão imediata do uso de Bramitob, e testes da função renal devem ser realizados. As concentrações de Bramitob no sangue podem ser úteis para monitorar a superdose.

Em caso de qualquer superdose, deve-se considerar a possibilidade de interações medicamentosas com alterações na eliminação de tobramicina ou outros medicamentos.

Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível. Ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações.

Interação medicamentosa: quais os efeitos de tomar Bramitob com outros remédios?

Nenhuma interação clinicamente relevante foi descrita com aplicação tópica ocular deste medicamento.

Qual a ação da substância do Bramitob (Tobramicina)?

Resultados de Eficácia

{"tag":"hr","value":" <p>Um estudo comparativo entre a solu&#xE7;&#xE3;o oft&#xE1;lmica de Tobramicina e a solu&#xE7;&#xE3;o oft&#xE1;lmica de <a href=\"https://consultaremedios.com.br/norfloxacino/bula\" target=\"_blank\">norfloxacino</a>, demostrou efic&#xE1;cia e seguran&#xE7;a similares no tratamento de infec&#xE7;&#xF5;es externas oculares.<sup>(1)</sup></p> <p><strong>Refer&#xEA;ncias Bibliogr&#xE1;ficas</strong></p> <p><span style=\"font-size:11px\"><sup>(1)</sup> JACOBSON, JA, et al. Safety and efficacy of topical norfloxacin versus tobramycin in the treatment of external ocular infections. Antimicrob Agents Chemother, 32(12): 1820-4, Dec 1988.</span></p> <h2>Caracter&#xED;sticas Farmacol&#xF3;gicas</h2> <hr> <p>Os estudos<em> in vitro</em> t&#xEA;m demonstrado que a Tobramicina &#xE9; ativa contra cepas sens&#xED;veis dos seguintes microrganismos:&amp;nbsp;<em>Staphylococci</em>, inclusive<em> S. aureus</em> e <em>S. epidermidis</em> (coagulase positivos e coagulase negativos), incluindo cepas resistentes &#xE0; penicilina.</p> <p><em>Streptococci</em>, inclusive algumas esp&#xE9;cies do grupo A beta-hemol&#xED;tico, algumas esp&#xE9;cies n&#xE3;o hemol&#xED;ticas e algumas cepas de <em>Streptococcus</em> pneumoniae.&amp;nbsp;<em>Pseudomonas aeruginosa, Escherichia coli, Klebsiella pneumoniae, Enterobacter aerogenes, Proteus mirabilis, Morganella morganii, maioria das cepas de Proteus vulgaris, Haemophilus influenzae e H. aegyptius, Moraxella lacunata, Acinetobacter calcoaceticus e algumas esp&#xE9;cies de Neisseria. </em>Os estudos de sensibilidade bacteriana demonstram que muitos microrganismos resistentes &#xE0; gentamicina conservam a sensibilidade &#xE0; Tobramicina.</p> </hr>"}

Como devo armazenar o Bramitob?

Você deve armazenar os flaconetes sob refrigeração (entre 2°C e 8°C). O prazo de validade é de 24 meses.

Armazene os flaconetes na embalagem original uma vez que Bramitob é sensível à luz muito intensa.

Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem.

Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o em sua embalagem original.

Nunca armazene um flaconete de Bramitob aberto. Uma vez aberto o flaconete, o medicamento deve ser utilizado imediatamente.

Após abertura do envelope, os flaconetes devem ser utilizados no máximo em 3 meses.

Os medicamentos nunca devem ser descartados na pia ou em lixos domésticos. Pergunte ao farmacêutico como Bramitob deve ser descartado. Essas medidas irão ajudar a proteger o meio ambiente.

Bramitob normalmente apresenta coloração levemente amarelada, mas pode sofrer variações. Isto não modifica o efeito de Bramitob, se for armazenado de acordo com as instruções.

Antes de usar, observe o aspecto do medicamento. Caso ele esteja no prazo de validade e você observe alguma mudança no aspecto, consulte o farmacêutico para saber se poderá utilizá-lo.

Dizeres Legais do Bramitob

Reg. MS n° 1.0058.0112.
Farm. Resp.: Dra. C. M. H. Nakazaki
CRF-SP n° 12.448

Fabricado e embalado por:
Holopack Verpackungstechnik GmbH - Abtsgmünd-untergröningen – Alemanha

Embalado por (embalagem secundária):
Chiesi Farmaceutici S.p.A – Parma – Itália

Importado e registrado por:
Chiesi Farmacêutica Ltda.

Uma empresa do grupo Chiesi Farmaceutici S.p.A
Rua Dr. Giacomo Chiesi n° 151
Estrada dos Romeiros km 39,2
Santana de Parnaíba - SP
CEP 06500-970
CNPJ n° 61.363.032/0001-46




Venda sob prescrição médica.&nbsp;

Fabricante: Chiesi

© 2021 Medicamento Lab.