Cosmed Amome

50mcg, caixa com frasco spray com 60 doses de suspensão de uso nasal

Princípio ativo
:
Furoato De Mometasona
Classe Terapêutica
:
Corticosteróides Nasais Sem Antiinfecciosos
Requer Receita
:
Sim, necessita de Receita
Tipo de prescrição
:
Branca Comum (Venda Sob Prescrição Médica)
Categoria
:
Fitoterápico
Especialidade
:
Alergia e Imunologia e Pneumologia

Bula do medicamento

Amome, para o que é indicado e para o que serve?

Rinite alérgica

Amome é indicado para o tratamento dos sintomas de rinite alérgica sazonal e perene, como congestão nasal, coriza, coceira e espirros, em pacientes adultos e pediátricos (a partir de 2 anos). Também é indicado para a profilaxia dos sintomas nasais de rinite alérgica sazonal em pacientes adultos e adolescentes com 12 anos ou mais.

Para pacientes com histórico de sintomas de rinite alérgica sazonal de intensidade moderada a grave, recomenda-se o tratamento profilático com Amome durante duas a quatro semanas antes do início da época de maior exposição aos alérgenos.

Tratamento complementar nos episódios agudos de rinossinusite

Amome é indicado para adultos e adolescentes com 12 anos ou mais como tratamento complementar aos antibióticos nos episódios agudos de rinossinusite.

Pólipos nasais

Amome é indicado para pacientes acima de 18 anos no tratamento de pólipos nasais e seus sintomas, incluindo congestão nasal e diminuição do olfato.

Rinossinusite

Amome é indicado para pacientes acima de 12 anos no tratamento de rinossinusite aguda.

Quais as contraindicações do Amome?

Este medicamento é contraindicado para uso por pessoas com hipersensibilidade ao furoato de mometasona monoidratado ou a qualquer um dos seus componentes.

Este medicamento é contraindicado para menores de 2 anos.

Como usar o Amome?

Atenção: como Amome não é indicado para o rápido alívio dos sintomas, a dose prescrita não deverá ser elevada e não deve ser utilizada mais vezes ao dia na tentativa de aumentar sua eficácia. Amome controla os distúrbios de base responsáveis pelas crises. Portanto, é importante que você o utilize de acordo com o horário recomendado pelo seu médico.

A administração adequada do produto é essencial para que se alcance sua máxima eficácia. Siga a orientação do seu médico com relação às doses e modo de usar o spray nasal.

Instruções de uso

Agite bem o frasco antes de utilizá-lo. Leia atentamente as instruções de uso e utilize apenas conforme indicado.

{"tag":"ol","value":" <li>Assoe vagarosamente o nariz para desobstruir as narinas antes da aplica&#xE7;&#xE3;o;</li> <li>Agite bem o frasco antes de cada aplica&#xE7;&#xE3;o (Fig.1);<br> <img alt=\"\" src=\"https://uploads.consultaremedios.com.br/ckeditor_assets/pictures/608acc21e5e7ee002101fea5/original_1.JPG?1619708961\" style=\"width:25%\"> </img></br></li> <li>Remova a tampa protetora (Fig. 2);<br> <img alt=\"\" src=\"https://uploads.consultaremedios.com.br/ckeditor_assets/pictures/608acc215d5f68002394cbf1/original_2.JPG?1619708961\" style=\"width:25%\"> </img></br></li> <li>Quando utilizar o medicamento pela primeira vez, inicie a fun&#xE7;&#xE3;o do dispositivo spray, pressionando-o para baixo na altura do anel branco, usando os dedos indicador e m&#xE9;dio. Fixe a base do frasco com o polegar (Fig. 3);<br> <img alt=\"\" src=\"https://uploads.consultaremedios.com.br/ckeditor_assets/pictures/608acc21e5e7ee002001febc/original_3.JPG?1619708960\" style=\"width:25%\"> </img></br></li> <li>Pressione para baixo, at&#xE9; que o jato saia uniformemente (normalmente at&#xE9; 10 vezes). A bomba fica, assim, pronta para ser utilizada. Se o aplicador do tipo spray ficar sem ser utilizado por pelo menos 14 dias, antes do uso, repita o procedimento de inicializa&#xE7;&#xE3;o do dispositivo spray com dois acionamentos, at&#xE9; que um spray uniforme seja observado. Amome vem pronto para uso. N&#xE3;o &#xE9; necess&#xE1;rio romper ou aumentar o orif&#xED;cio no bico aplicador. N&#xE3;o perfure o aplicador nasal;<br> <img alt=\"\" src=\"https://uploads.consultaremedios.com.br/ckeditor_assets/pictures/608acc20e5e7ee002101fea4/original_4.JPG?1619708959\" style=\"width:25%\"> </img></br></li> <li>Feche uma das narinas, incline a cabe&#xE7;a ligeiramente para frente e, mantendo o frasco em posi&#xE7;&#xE3;o vertical voltado para regi&#xE3;o lateral da narina, insira o aplicador nasal na outra narina (Fig. 4);<br> <img alt=\"\" src=\"https://uploads.consultaremedios.com.br/ckeditor_assets/pictures/608acc20e5e7ee002001febb/original_5.JPG?1619708959\" style=\"width:25%\"> </img></br></li> <li>Realize a aplica&#xE7;&#xE3;o em cada narina, conforme prescrito;</li> <li>Em cada aplica&#xE7;&#xE3;o, pressione o anel branco para baixo, com firmeza, utilizando os dedos indicador e m&#xE9;dio, e fixe a base do frasco com o polegar. Aspire suavemente o medicamento para dentro atrav&#xE9;s da narina;</li> <li>Repita a opera&#xE7;&#xE3;o na outra narina;</li> <li>Recoloque a tampa protetora.</li> "}

Limpeza

É importante limpar o seu spray nasal regularmente, caso contrário ele poderá não funcionar da maneira correta. Para limpar o aplicador nasal, remova a tampa plástica e pressione o anel branco delicadamente para cima, liberando o aplicador nasal. Lave o aplicador e a tampa protetora em água morna potável e, em seguida, enxágue em água corrente. Não tente desobstruir o aplicador nasal inserindo alfinetes, agulhas ou outros objetos pontiagudos, pois isso poderá estragar o aplicador e impedir que a dose correta do medicamento seja liberada. Deixe secar em um lugar quente. Empurre o aplicador nasal de volta para o frasco e coloque a tampa de plástico. O spray precisará ser iniciado novamente com 2 jatos quando for utilizado pela primeira vez após a limpeza.

Use Amome em intervalos regulares, pois sua eficácia depende disso. Não aumente a dose prescrita na tentativa de aumentar a eficácia e entre em contato com seu médico se os sintomas não melhorarem ou se o quadro clínico piorar.

Posologia do Amome

{"tag":"hr","value":" <p>Depois da prepara&#xE7;&#xE3;o inicial do Amome (normalmente 10 acionamentos at&#xE9; que se obtenha um spray uniforme), cada acionamento libera uma dose correta. Se o spray n&#xE3;o for utilizado por pelo menos 14 dias, antes do uso, efetue 2 acionamentos at&#xE9; que se obtenha um spray uniforme.</p> <h3>Rinite al&#xE9;rgica</h3> <h4>Adultos (inclusive pacientes geri&#xE1;tricos) e adolescentes</h4> <ul> <li>A dose habitual recomendada para profilaxia e tratamento &#xE9; de dois acionamentos (50mcg/acionamento) em cada narina, uma vez por dia (dose total de 200mcg). Quando os sintomas estiverem controlados, a redu&#xE7;&#xE3;o da dose a uma aplica&#xE7;&#xE3;o em cada narina (dose total de 100mcg) poder&#xE1; ser eficaz para manuten&#xE7;&#xE3;o.</li> <li>Se os sintomas n&#xE3;o puderem ser controlados de forma adequada, a dose poder&#xE1; ser aumentada para um m&#xE1;ximo de quatro aplica&#xE7;&#xF5;es em cada fossa nasal (total de 400mcg). Depois de controlar os sintomas, recomenda-se reduzir a dose.</li> </ul> <h4>Crian&#xE7;as com idades entre 2 e 11 anos</h4> <ul> <li>A dose habitual recomendada para tratamento de sintomas nasais de rinite al&#xE9;rgica sazonal e perene &#xE9; de um acionamento (50mcg/acionamento) em cada narina uma vez por dia (dose total de 100mcg). A administra&#xE7;&#xE3;o em crian&#xE7;as deve ser auxiliada por um adulto.</li> </ul> <h3>Tratamento complementar nos epis&#xF3;dios agudos de rinossinusite</h3> <h4>Adultos (inclusive pacientes geri&#xE1;tricos) e adolescentes (acima de 12 anos)</h4> <ul> <li>A dose habitual recomendada &#xE9; de dois acionamentos (50mcg/acionamento) em cada narina duas vezes por dia (dose total de 400mcg).</li> <li>Se os sintomas n&#xE3;o forem adequadamente controlados, a dose poder&#xE1; ser aumentada para 4 acionamentos (50mcg/acionamento) em cada fossa nasal duas vezes por dia (dose total de 800mcg).</li> </ul> <h3>P&#xF3;lipos nasais</h3> <h4>Adultos (inclusive pacientes geri&#xE1;tricos)</h4> <ul> <li>A dose habitual recomendada &#xE9; de dois acionamentos (50mcg/acionamento) em cada narina duas vezes por dia (dose total de 400mcg). Quando os sintomas forem adequadamente controlados, recomenda-se a redu&#xE7;&#xE3;o da dose para duas aplica&#xE7;&#xF5;es em cada narina uma vez por dia (dose total de 200mcg).</li> </ul> <h3>Rinossinusite aguda</h3> <ul> <li>A dose habitual recomendada &#xE9; de dois acionamentos (50mcg/acionamento) em cada narina, duas vezes por dia (dose di&#xE1;ria total de 400mcg). Se n&#xE3;o houver melhora, o paciente deve consultar o seu m&#xE9;dico.</li> </ul> <p><strong>Sga a orienta&#xE7;&#xE3;o de seu m&#xE9;dico, respeitando sempre os hor&#xE1;rios, as doses e a dura&#xE7;&#xE3;o do tratamento. </strong></p> <p><strong>N&#xE3;o interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu m&#xE9;dico.</strong></p> "}

Como o Amome funciona?

Amome tem como princípio ativo o furoato de mometasona monoidratado, um glicocorticoide tópico com ação anti-inflamatória local e sem ação sistêmica.

Tempo médio do início da ação

  • <li>O in&#xED;cio da a&#xE7;&#xE3;o clinicamente significativo &#xE9; de 7 a 12 horas ap&#xF3;s a primeira aplica&#xE7;&#xE3;o.</li>

O benefício máximo geralmente é atingido no período de 1 a 2 semanas após a administração ter sido iniciada. Os pacientes devem usar este medicamento conforme orientação e não devem aumentar a dose prescrita usando mais de uma vez ao dia na tentativa de aumentar a eficácia.

Quais cuidados devo ter ao usar o Amome?

Gravidez e amamentação

  • <li><strong>Este medicamento n&#xE3;o deve ser utilizado por mulheres gr&#xE1;vidas sem orienta&#xE7;&#xE3;o m&#xE9;dica ou do cirurgi&#xE3;o-dentista.</strong></li> <li>Informe ao m&#xE9;dico se est&#xE1; amamentando.</li>

Antes de iniciar o tratamento com Amome, informe ao seu médico se você fez cirurgia nasal recentemente; se apresenta feridas no nariz; algum tipo de infecção; se já esteve ou está com tuberculose; ou se apresenta infecção nos olhos por herpes simples (vírus).

Não dividir o medicamento com outra pessoa, nem utilizá-lo para tratamento de outras doenças.

Amome não deve ser aplicado nos olhos ou diretamente no septo nasal.

Entre em contato com o seu médico caso experiencie uma visão turva ou outros distúrbios visuais.

Não há evidência de supressão de eixo Hipotalâmico-Hipofisário-Adrenal (HPA) após tratamento prolongado com Amome. No entanto, os pacientes que passam de uma administração a longo prazo de corticosteroides sistemicamente ativos para Amome exigem uma atenção cuidadosa. A remoção do corticosteroide sistêmico nesses pacientes pode resultar em insuficiência adrenal por alguns meses até a recuperação da função do eixo HPA.

Quais as reações adversas e os efeitos colaterais do Amome?

Este medicamento é bem tolerado pela maioria dos pacientes; porém, informe seu médico o aparecimento de reações desagradáveis, como dor de cabeça, sangramento nasal, ardor ou irritação nasal, dor de garganta&nbsp;e visão turva. Raramente, podem ocorrer reações alérgicas a esse produto. Muito raramente, as reações são graves. Em caso de dificuldades na respiração, procure o seu médico.

Informe ao seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento. Informe também à empresa através do seu serviço de atendimento.

O que eu devo fazer quando esquecer de usar o Amome?

Se você se esquecer de usar este medicamento, use-o assim que se lembrar e então acerte o horário da utilização. Não use dose dobrada para compensar a dose esquecida.

Em caso de dúvidas, procure orientação do farmacêutico ou de seu médico, ou cirurgião-dentista.

Qual a composição do Amome?

Cada acionamento contém:

51,72 mcg&nbsp;(equivalente a 50 mcg de furoato de mometasona) de&nbsp;furoato de mometasona monoidratado.

Excipientes:&nbsp;celulose microcristalina, carmelose sódica, glicerol, ácido cítrico monoidratado, citrato de sódio, polissorbato 80, cloreto de benzalcônio e água para injetáveis.

Superdose: o que acontece se tomar uma dose do Amome maior do que a recomendada?

Não existem dados disponíveis sobre os efeitos de superdose aguda ou crônica com Amome. Pela baixa quantidade da substância que atinge o sangue e demais órgãos e pela ausência de achados sistêmicos agudos relacionados à medicação em estudos clínicos, é pouco provável que a superdose necessite de alguma terapia além de observação. A superdose aguda com essa apresentação é improvável.

Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível. Ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações.

Interação medicamentosa: quais os efeitos de tomar Amome com outros remédios?

Amome foi administrado juntamente com loratadina e foi bem tolerado.

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

Não use medicamento sem o conhecimento do seu médico. Pode ser perigoso para a sua saúde.

Qual a ação da substância do Amome (Furoato de Mometasona)?

Resultados de Eficácia

{"tag":"hr","value":" <h3>Uso adulto</h3> <p>O furoato de mometasona foi avaliado em tr&#xEA;s estudos cl&#xED;nicos duplo-cegos nos quais 737 pacientes mostraram melhor recupera&#xE7;&#xE3;o na fun&#xE7;&#xE3;o pulmonar e menor incid&#xEA;ncia de exacerba&#xE7;&#xF5;es asm&#xE1;ticas em rela&#xE7;&#xE3;o ao placebo. Em dois estudos cl&#xED;nicos, 440mcg de furoato de mometasona administrados uma vez ao dia e 220mcg de furoato de mometasona administrados duas vezes ao dia, produziram melhoras no FEV1 quando comparados com o placebo. Al&#xE9;m disso, taxas de fluxo expirat&#xF3;rio for&#xE7;ado (PEFR) melhoraram significativamente quando comparadas ao placebo. Tamb&#xE9;m houve redu&#xE7;&#xE3;o das exacerba&#xE7;&#xF5;es asm&#xE1;ticas (com 440mcg di&#xE1;rios) e redu&#xE7;&#xE3;o no uso de medica&#xE7;&#xE3;o resgate com agonistas-&#x3B2;2 quando comparadas ao placebo. No terceiro estudo cl&#xED;nico, pacientes que tomaram 200mcg de furoato de mometasona uma vez ao dia, administrado &#xE0; noite, obtiveram melhora significativamente maior no FEV1 quando comparados &#xE0;queles que tomaram placebo. O fluxo expirat&#xF3;rio m&#xE1;ximo (PEF), medido &#xE0; noite, melhorou 7% na linha de base no grupo que recebeu furoato de mometasona, versus 4% na linha de base do grupo que recebeu placebo&#xB9;.</p> <p>Estudo multic&#xEA;ntrico, duplo-cego, aleatorizado de pacientes com asma variando de gravidade leve a moderada receberam furoato de mometasona por p&#xF3; inalat&#xF3;rio (MF-DPI). Pacientes asm&#xE1;ticos sem corticosteroides inalat&#xF3;rios (12 anos ou mais) demonstraram melhora na doen&#xE7;a das vias respirat&#xF3;rias ao receber 200mcg de MF-DPI pela manh&#xE3; (n=72), 400mcg de MF-DPI (n=77), ou placebo (n=87) por um per&#xED;odo de 12 semanas. Os pacientes que receberam MF-DPI mostraram respostas superiores durante o tratamento, verificadas pelo FEV e FVC (FEV, Volume Expirat&#xF3;rio For&#xE7;ado; FVC, Capacidade Vital For&#xE7;ada). Os pacientes que receberam 400mcg de MF-DPI mostraram melhoras do PEFR em compara&#xE7;&#xE3;o com o placebo. Os pacientes que receberam MF-DPI precisaram de menores doses de resgate de agonistas-&#x3B2;2 em rela&#xE7;&#xE3;o &#xE0;queles que receberam placebo. O MF-DPI foi bem tolerado em ambas as doses. Os eventos adversos foram de leves a moderados. Devido &#xE0; resposta superior do grupo que recebeu 400mcg MF-DPI para PFER em rela&#xE7;&#xE3;o ao de 200mcg para PFER, os autores recomendam a dose inicial de 400mcg de MF-DPI como a ideal no regime terap&#xEA;utico di&#xE1;rio&#xB2;.</p> <p>Estudo duplo-cego, multic&#xEA;ntrico, controlado com placebo e com dura&#xE7;&#xE3;o de 12 semanas, comparou o uso inalat&#xF3;rio de 400mcg de p&#xF3; de furoato de mometasona (MF-DPI) uma vez ao dia, administrado &#xE0; noite com 200mcg do mesmo medicamento duas vezes ao dia, na melhora da fun&#xE7;&#xE3;o pulmonar e dos sintomas da asma. Sintomas de asma uso de albuterol (resgate) foram significativamente reduzidos nos grupos tratados por MF-DPI assim como a melhora da qualidade do sono, quando comparados com o grupo placebo. A &#xFA;nica diferen&#xE7;a entre as manifesta&#xE7;&#xF5;es asm&#xE1;ticas foi que durante a dose de 400mcg de MFDPI houve menos <a href=\"https://consultaremedios.com.br/gripes-e-resfriados/tosse/c\" target=\"_blank\">tosse</a>. Os eventos adversos em ambas as doses foram predominantemente infec&#xE7;&#xF5;es no trato respirat&#xF3;rio e cefaleia, variando de leves a moderadas&#xB3;.</p> <h3>Uso pedi&#xE1;trico</h3> <p>Estudo duplo-cego, de determina&#xE7;&#xE3;o de dose, aleatorizado, com dura&#xE7;&#xE3;o de 12 semanas. Pacientes com 12 anos ou superior receberam inala&#xE7;&#xE3;o de furoato de mometasona administrado por p&#xF3; inalante (MD-DPI) para verifica&#xE7;&#xE3;o da efic&#xE1;cia. O furoato de mometasona foi efetivo no al&#xED;vio dos sintomas da asma persistente sem causar supress&#xE3;o da fun&#xE7;&#xE3;o do eixo HPA. Os pacientes foram distribu&#xED;dos aleatoriamente para receber tratamento inalat&#xF3;rio a cada 12 horas com placebo, 168mcg de <a href=\"https://consultaremedios.com.br/dipropionato-de-beclometasona/bula\" target=\"_blank\">dipropionato de beclometasona</a>, ou 100mcg, 200mcg, ou 400mcg de furoato de mometasona. Tratamento com 200mcg de furoato de mometasona foi consistentemente mais eficaz que 100mcg de mometasona. Eventos adversos foram similares em todos os grupos de estudo: cefaleia, candid&#xED;ase na boca e na faringe.<sup>4 </sup></p> <p>Estudo com dura&#xE7;&#xE3;o de 12 semanas, multic&#xEA;ntrico, duplo-cego, de grupos paralelos controlados por placebo, avaliou 2 regimes de furoato de mometasona p&#xF3; inalat&#xF3;rio (100mcg a noite vs 100mcg duas vezes ao dia) em 296 crian&#xE7;as de 4 a 11 anos com asma. Melhoras significativas foram observadas em ambos os regimes em rela&#xE7;&#xE3;o ao placebo para FEV1, fluxo expirat&#xF3;rio for&#xE7;ado, capacidade vital for&#xE7;ada, fluxo m&#xE1;ximo expirat&#xF3;rio matutino e noturno, escores de sintomas de asma, uso de albuterol (resgate), despertares noturnos, resposta &#xE0; terapia, e qualidade de vida. Ambos os regimes de furoato de&amp;nbsp;mometasona DPI foram bem tolerados e melhoraram significativamente a fun&#xE7;&#xE3;o pulmonar, mantendo controle efetivo da asma e melhorando a qualidade de vida das crian&#xE7;as.<sup>5</sup></p> <p>Estudo onde o furoato de mometasona administrado por p&#xF3; inalat&#xF3;rio (MF-DPI) mostrou-se como eficiente no tratamento da gravidade de asma persistente, envolvendo melhora na atividade pulmonar, redu&#xE7;&#xE3;o de sintomas asm&#xE1;ticos, e redu&#xE7;&#xE3;o ou elimina&#xE7;&#xE3;o da necessidade de corticosteroides orais. O regime terap&#xEA;utico de 1 (uma) dose di&#xE1;ria foi eficaz em pacientes com asma persistente de leve a moderada que previamente receberam regimes de corticosteroides inalat&#xF3;rios (ICS), e em pacientes que receberam somente agonistas-&#x3B2;2 para al&#xED;vio dos sintomas. O regime de 1 (uma) dose di&#xE1;ria noturna de 200mcg revelou mais benef&#xED;cios do que o regime de 1 (uma) dose di&#xE1;ria matutina de 200mcg. Pacientes com asma severa que dependiam de corticosteroides orais (OCS) e de altas doses de ICS foram capazes de adquirir maior controle da asma quando trocaram suas medica&#xE7;&#xF5;es por MF-DPI. Em estudos de 1 ano de dura&#xE7;&#xE3;o, o MF-DPI foi bem tolerado e a maioria dos efeitos adversos foram considerados leves a moderados. A administra&#xE7;&#xE3;o de 200-400mcg de MF-DPI em pacientes com sintomas leves a moderados de asma foi efetiva na melhora da fun&#xE7;&#xE3;o pulmonar e no controle da asma. O tratamento com 400mcg de MF-DPI possibilitou redu&#xE7;&#xE3;o substancial do uso de corticosteroides orais.<sup>6</sup></p> <p>Atualmente, os guias de tratamento de asma recomendam a administra&#xE7;&#xE3;o de corticosteroides inalat&#xF3;rios (ICS) como tratamento de escolha no controle de asma leve a moderada em pacientes de todas as idades, incluindo crian&#xE7;as jovens. Em amplo estudo de revis&#xE3;o de literatura, foram analisados dados cl&#xED;nicos como: efic&#xE1;cia, seguran&#xE7;a no longo prazo, aus&#xEA;ncia de efeitos sist&#xEA;micos e a dose aprovada para crian&#xE7;as pelo FDA (ag&#xEA;ncia americana reguladora de medicamentos). A an&#xE1;lise mostrou que a dose di&#xE1;ria em crian&#xE7;as de 4-11 anos melhorou significativamente a fun&#xE7;&#xE3;o pulmonar e qualidade de vida, reduzindo o uso de medica&#xE7;&#xE3;o resgate e das exacerba&#xE7;&#xF5;es relacionadas ao uso com outros ICS. Foi verificada a aus&#xEA;ncia de efeitos sist&#xEA;micos no eixo hipotal&#xE2;mico-pituit&#xE1;rio-adrenal, ou na redu&#xE7;&#xE3;o do crescimento. Resultados de estudos pedi&#xE1;tricos s&#xE3;o consistentes e o regime de 1 (uma) dose mostrou seguran&#xE7;a. A facilidade no uso do MF-DPI pode ajudar na manuten&#xE7;&#xE3;o do controle da asma pela boa ader&#xEA;ncia ao tratamento.<sup>7</sup></p> <p><strong>Refer&#xEA;ncias Bibliogr&#xE1;ficas:</strong></p> <p><span style=\"font-size:11px\">1. Product Information: ASMANEX TWISTHALER(R) oral inhalation powder, mometasone furoate oral inhalation powder. Schering Corporation, Kenilworth, NJ, 2008.<br> 2. Nayak AS, Banov C, Corren J, et al. Once-daily mometasone furoate dry powder inhaler in the treatment of patients with persistent asthma. Ann Allergy Asthma Immunol. 2000; 84:417-24.<br> 3. Karpel JP, Busse WW, Noonan MJ, et al. Effects of mometasone furoate given once daily in the evening on lung function and symptom control in persistent asthma. Ann Pharmacother. 2005; 39(12):1977-83.<br> 4. Bernstein DI, Berkowitz RB, Chervinsky P, et al. Dose-ranging study of a new steroid for asthma: mometasone furoate dry powder inhaler. Respir Med. 1999; 93:602-12.<br> 5. Berger WE, Milgrom H, Chervinsky P, et al. Effects of treatment with mometasone furoate dry powder inhaler in children with persistent asthma. Ann Allergy Asthma Immunol. 2006;97:672&#x2013;80.<br> 6. Karpel JP, Nelson H. Mometasone furoate dry poder inhaler: a once-daily inhaled corticosteroid for the treatment of persistente asthma. Curr Med Res Opin. 2007 Nov;23(11):2897-911.<br> 7. Milgrom H. Mometasone furoate in children with mild to moderate persistent asthma, a review of the evidence. Pediatr Drugs. 2010; 12 (4): 213-21.</br></br></br></br></br></br></span></p> <h2>Caracter&#xED;sticas Farmacol&#xF3;gicas</h2> <hr> <p>Atua pela redu&#xE7;&#xE3;o da forma&#xE7;&#xE3;o, libera&#xE7;&#xE3;o, e atividade de mediadores qu&#xED;micos end&#xF3;genos da inflama&#xE7;&#xE3;o (cininas, histamina, enzimas lipossomais, prostaglandinas). Leuc&#xF3;citos e macr&#xF3;fagos devem estar presentes para o in&#xED;cio das respostas mediadas pelas subst&#xE2;ncias acima. Inibe a margina&#xE7;&#xE3;o e subsequente migra&#xE7;&#xE3;o celular para a &#xE1;rea da les&#xE3;o, e tamb&#xE9;m reverte a dilata&#xE7;&#xE3;o e a permeabilidade vascular aumentada, resultando em uma redu&#xE7;&#xE3;o do acesso das c&#xE9;lulas a esses locais lesionados.</p> <p>O furoato de mometasona &#xE9; um corticosteroide que demonstra uma potente atividade anti-inflamat&#xF3;ria. O mecanismo de a&#xE7;&#xE3;o do corticosteroide na asma ainda n&#xE3;o &#xE9; totalmente conhecido. A inflama&#xE7;&#xE3;o &#xE9; um importante componente na patog&#xEA;nese da asma. Os corticosteroides possuem muitos efeitos inibit&#xF3;rios sobre v&#xE1;rios tipos celulares (ex.: mast&#xF3;citos, <a href=\"https://minutosaudavel.com.br/eosinofilos/\" rel=\"noopener\" target=\"_blank\">eosin&#xF3;filos</a>, neutr&#xF3;filos, macr&#xF3;fagos e linf&#xF3;citos) e mediadores (ex.: histamina, eicosanoides, leucotrienos e citocinas) envolvidos na inflama&#xE7;&#xE3;o e resposta asm&#xE1;tica. Estas a&#xE7;&#xF5;es anti-inflamat&#xF3;rias dos corticoides podem contribuir para sua efic&#xE1;cia na asma. O funcionamento do furoato de mometasona baseia-se na liga&#xE7;&#xE3;o com o receptor corticoide. Estes receptores s&#xE3;o encontrados no citoplasma da maioria dos tipos celulares e s&#xE3;o muito expressados no&amp;nbsp;epit&#xE9;lio pulmonar e no epit&#xE9;lio dos br&#xF4;nquios. Uma vez ligado ao receptor, os genes que produzem as <a href=\"https://minutosaudavel.com.br/proteinas/\" rel=\"noopener\" target=\"_blank\">prote&#xED;nas</a> anti-inflamat&#xF3;rias s&#xE3;o ativados. Tamb&#xE9;m possui efeitos na hiper-responsividade br&#xF4;nquica, capaz de provocar decr&#xE9;scimo de 20% no volume expirat&#xF3;rio for&#xE7;ado (PC20) em 1 segundo.</p> <p>O furoato de mometasona &#xE9; extensamente metabolizado pelo <a href=\"https://consultaremedios.com.br/aparelho-digestivo/figado/c\" target=\"_blank\">f&#xED;gado</a>, principalmente pelo sistema enzim&#xE1;tico CYP3A4. Estudos <em>in vitro</em> demonstraram que o furoato de mometasona possui alta afinidade com o receptor glicocorticoide humano, muito maior que a <a href=\"https://consultaremedios.com.br/dexametasona/bula\" target=\"_blank\">dexametasona</a>, fluticasona, <a href=\"https://consultaremedios.com.br/budesonida/bula\" target=\"_blank\">budesonida</a> ou triancinolona. Os corticosteroides possuem a capacidade de suprimir a atividade do eixo Hipot&#xE1;lamoPituit&#xE1;rio-Adrenal (HPA), causando inibi&#xE7;&#xE3;o por retroalimenta&#xE7;&#xE3;o negativa. O furoato de mometasona possui efeito m&#xED;nimo sobre a fun&#xE7;&#xE3;o do eixo HPA em pacientes com asma leve a moderada. Este f&#xE1;rmaco &#xE9; muito pouco absorvido sistemicamente ap&#xF3;s sua inala&#xE7;&#xE3;o, e seus efeitos s&#xE3;o principalmente pulmonares.</p> <p>O furoato de mometasona possui meia vida de aproximadamente 5h e um volume de distribui&#xE7;&#xE3;o m&#xE9;dio de 152L. A liga&#xE7;&#xE3;o &#xE0;s prote&#xED;nas, <em>in vitro</em>, &#xE9; de 98 a 99%.</p> </hr>"}

Como devo armazenar o Amome?

Conservar em temperatura ambiente (entre 15 e 30ºC). Proteger da luz.

O prazo de validade é de 24 meses, contados a partir da data de fabricação. Após aberto, o produto contendo 60 doses/acionamentos é válido por 30 dias e o produto contendo 120 doses/acionamentos é válido por 60 dias.

Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem.

Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o em sua embalagem original.

Características do medicamento

Amome apresenta-se como uma suspensão espessa translúcida, de cor branca a esbranquiçada, contida num frasco de plástico opaco branco, que contém um dispositivo de pulverização nasal dosimetrada.

Antes de usar, observe o aspecto do medicamento. Caso ele esteja no prazo de validade e você observe alguma mudança no aspecto, consulte o farmacêutico para saber se poderá utilizá-lo.&nbsp;

Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

Apresentações do Amome

Suspensão spray nasal 50 mcg/acionamento

Embalagens contendo 1 frasco de 9g de peso líquido equivalente a 60 acionamentos ou 1 frasco de 18g de peso líquido equivalente a 120 acionamentos.

Via de administração: nasal.

Uso adulto e pediátrico acima de 2 anos.

Dizeres Legais do Amome

M.S -&nbsp;1.7817.0887

Farm. Resp.:
Luciana Lopes da Costa
CRF-GO nº 2.757

Registrado por:
Cosmed Indústria de Cosméticos e Medicamentos S.A
Rua Bonnard (Green Valley I) nº 980 - Bloco 12 - Nível 3 - Sala A
Alphaville Empresarial - Barueri - SP
CEP 06465-134
C.N.P.J.: 61.082.426/0002-07




Fabricado por:
Glenmark Pharmaceuticals Ltd
Baddi, Índia

Importado por:
Cosmed Indústria de Cosméticos e Medicamentos S.A
VPR 1 - Quadra 02-A - Módulo 5 -Daia
Anápolis - GO
CEP: 75132-020
CNPJ: 61.082.426/0016-02




Venda sob prescrição médica.

50mcg, frasco spray com 120 doses de suspensão de uso nasal

Princípio ativo
:
Furoato De Mometasona
Classe Terapêutica
:
Corticosteróides Nasais Sem Antiinfecciosos
Requer Receita
:
Sim, necessita de Receita
Tipo de prescrição
:
Branca Comum (Venda Sob Prescrição Médica)
Categoria
:
Fitoterápico
Especialidade
:
Alergia e Imunologia e Pneumologia

Bula do medicamento

Amome, para o que é indicado e para o que serve?

Rinite alérgica

Amome é indicado para o tratamento dos sintomas de rinite alérgica sazonal e perene, como congestão nasal, coriza, coceira e espirros, em pacientes adultos e pediátricos (a partir de 2 anos). Também é indicado para a profilaxia dos sintomas nasais de rinite alérgica sazonal em pacientes adultos e adolescentes com 12 anos ou mais.

Para pacientes com histórico de sintomas de rinite alérgica sazonal de intensidade moderada a grave, recomenda-se o tratamento profilático com Amome durante duas a quatro semanas antes do início da época de maior exposição aos alérgenos.

Tratamento complementar nos episódios agudos de rinossinusite

Amome é indicado para adultos e adolescentes com 12 anos ou mais como tratamento complementar aos antibióticos nos episódios agudos de rinossinusite.

Pólipos nasais

Amome é indicado para pacientes acima de 18 anos no tratamento de pólipos nasais e seus sintomas, incluindo congestão nasal e diminuição do olfato.

Rinossinusite

Amome é indicado para pacientes acima de 12 anos no tratamento de rinossinusite aguda.

Quais as contraindicações do Amome?

Este medicamento é contraindicado para uso por pessoas com hipersensibilidade ao furoato de mometasona monoidratado ou a qualquer um dos seus componentes.

Este medicamento é contraindicado para menores de 2 anos.

Como usar o Amome?

Atenção: como Amome não é indicado para o rápido alívio dos sintomas, a dose prescrita não deverá ser elevada e não deve ser utilizada mais vezes ao dia na tentativa de aumentar sua eficácia. Amome controla os distúrbios de base responsáveis pelas crises. Portanto, é importante que você o utilize de acordo com o horário recomendado pelo seu médico.

A administração adequada do produto é essencial para que se alcance sua máxima eficácia. Siga a orientação do seu médico com relação às doses e modo de usar o spray nasal.

Instruções de uso

Agite bem o frasco antes de utilizá-lo. Leia atentamente as instruções de uso e utilize apenas conforme indicado.

{"tag":"ol","value":" <li>Assoe vagarosamente o nariz para desobstruir as narinas antes da aplica&#xE7;&#xE3;o;</li> <li>Agite bem o frasco antes de cada aplica&#xE7;&#xE3;o (Fig.1);<br> <img alt=\"\" src=\"https://uploads.consultaremedios.com.br/ckeditor_assets/pictures/608acc21e5e7ee002101fea5/original_1.JPG?1619708961\" style=\"width:25%\"> </img></br></li> <li>Remova a tampa protetora (Fig. 2);<br> <img alt=\"\" src=\"https://uploads.consultaremedios.com.br/ckeditor_assets/pictures/608acc215d5f68002394cbf1/original_2.JPG?1619708961\" style=\"width:25%\"> </img></br></li> <li>Quando utilizar o medicamento pela primeira vez, inicie a fun&#xE7;&#xE3;o do dispositivo spray, pressionando-o para baixo na altura do anel branco, usando os dedos indicador e m&#xE9;dio. Fixe a base do frasco com o polegar (Fig. 3);<br> <img alt=\"\" src=\"https://uploads.consultaremedios.com.br/ckeditor_assets/pictures/608acc21e5e7ee002001febc/original_3.JPG?1619708960\" style=\"width:25%\"> </img></br></li> <li>Pressione para baixo, at&#xE9; que o jato saia uniformemente (normalmente at&#xE9; 10 vezes). A bomba fica, assim, pronta para ser utilizada. Se o aplicador do tipo spray ficar sem ser utilizado por pelo menos 14 dias, antes do uso, repita o procedimento de inicializa&#xE7;&#xE3;o do dispositivo spray com dois acionamentos, at&#xE9; que um spray uniforme seja observado. Amome vem pronto para uso. N&#xE3;o &#xE9; necess&#xE1;rio romper ou aumentar o orif&#xED;cio no bico aplicador. N&#xE3;o perfure o aplicador nasal;<br> <img alt=\"\" src=\"https://uploads.consultaremedios.com.br/ckeditor_assets/pictures/608acc20e5e7ee002101fea4/original_4.JPG?1619708959\" style=\"width:25%\"> </img></br></li> <li>Feche uma das narinas, incline a cabe&#xE7;a ligeiramente para frente e, mantendo o frasco em posi&#xE7;&#xE3;o vertical voltado para regi&#xE3;o lateral da narina, insira o aplicador nasal na outra narina (Fig. 4);<br> <img alt=\"\" src=\"https://uploads.consultaremedios.com.br/ckeditor_assets/pictures/608acc20e5e7ee002001febb/original_5.JPG?1619708959\" style=\"width:25%\"> </img></br></li> <li>Realize a aplica&#xE7;&#xE3;o em cada narina, conforme prescrito;</li> <li>Em cada aplica&#xE7;&#xE3;o, pressione o anel branco para baixo, com firmeza, utilizando os dedos indicador e m&#xE9;dio, e fixe a base do frasco com o polegar. Aspire suavemente o medicamento para dentro atrav&#xE9;s da narina;</li> <li>Repita a opera&#xE7;&#xE3;o na outra narina;</li> <li>Recoloque a tampa protetora.</li> "}

Limpeza

É importante limpar o seu spray nasal regularmente, caso contrário ele poderá não funcionar da maneira correta. Para limpar o aplicador nasal, remova a tampa plástica e pressione o anel branco delicadamente para cima, liberando o aplicador nasal. Lave o aplicador e a tampa protetora em água morna potável e, em seguida, enxágue em água corrente. Não tente desobstruir o aplicador nasal inserindo alfinetes, agulhas ou outros objetos pontiagudos, pois isso poderá estragar o aplicador e impedir que a dose correta do medicamento seja liberada. Deixe secar em um lugar quente. Empurre o aplicador nasal de volta para o frasco e coloque a tampa de plástico. O spray precisará ser iniciado novamente com 2 jatos quando for utilizado pela primeira vez após a limpeza.

Use Amome em intervalos regulares, pois sua eficácia depende disso. Não aumente a dose prescrita na tentativa de aumentar a eficácia e entre em contato com seu médico se os sintomas não melhorarem ou se o quadro clínico piorar.

Posologia do Amome

{"tag":"hr","value":" <p>Depois da prepara&#xE7;&#xE3;o inicial do Amome (normalmente 10 acionamentos at&#xE9; que se obtenha um spray uniforme), cada acionamento libera uma dose correta. Se o spray n&#xE3;o for utilizado por pelo menos 14 dias, antes do uso, efetue 2 acionamentos at&#xE9; que se obtenha um spray uniforme.</p> <h3>Rinite al&#xE9;rgica</h3> <h4>Adultos (inclusive pacientes geri&#xE1;tricos) e adolescentes</h4> <ul> <li>A dose habitual recomendada para profilaxia e tratamento &#xE9; de dois acionamentos (50mcg/acionamento) em cada narina, uma vez por dia (dose total de 200mcg). Quando os sintomas estiverem controlados, a redu&#xE7;&#xE3;o da dose a uma aplica&#xE7;&#xE3;o em cada narina (dose total de 100mcg) poder&#xE1; ser eficaz para manuten&#xE7;&#xE3;o.</li> <li>Se os sintomas n&#xE3;o puderem ser controlados de forma adequada, a dose poder&#xE1; ser aumentada para um m&#xE1;ximo de quatro aplica&#xE7;&#xF5;es em cada fossa nasal (total de 400mcg). Depois de controlar os sintomas, recomenda-se reduzir a dose.</li> </ul> <h4>Crian&#xE7;as com idades entre 2 e 11 anos</h4> <ul> <li>A dose habitual recomendada para tratamento de sintomas nasais de rinite al&#xE9;rgica sazonal e perene &#xE9; de um acionamento (50mcg/acionamento) em cada narina uma vez por dia (dose total de 100mcg). A administra&#xE7;&#xE3;o em crian&#xE7;as deve ser auxiliada por um adulto.</li> </ul> <h3>Tratamento complementar nos epis&#xF3;dios agudos de rinossinusite</h3> <h4>Adultos (inclusive pacientes geri&#xE1;tricos) e adolescentes (acima de 12 anos)</h4> <ul> <li>A dose habitual recomendada &#xE9; de dois acionamentos (50mcg/acionamento) em cada narina duas vezes por dia (dose total de 400mcg).</li> <li>Se os sintomas n&#xE3;o forem adequadamente controlados, a dose poder&#xE1; ser aumentada para 4 acionamentos (50mcg/acionamento) em cada fossa nasal duas vezes por dia (dose total de 800mcg).</li> </ul> <h3>P&#xF3;lipos nasais</h3> <h4>Adultos (inclusive pacientes geri&#xE1;tricos)</h4> <ul> <li>A dose habitual recomendada &#xE9; de dois acionamentos (50mcg/acionamento) em cada narina duas vezes por dia (dose total de 400mcg). Quando os sintomas forem adequadamente controlados, recomenda-se a redu&#xE7;&#xE3;o da dose para duas aplica&#xE7;&#xF5;es em cada narina uma vez por dia (dose total de 200mcg).</li> </ul> <h3>Rinossinusite aguda</h3> <ul> <li>A dose habitual recomendada &#xE9; de dois acionamentos (50mcg/acionamento) em cada narina, duas vezes por dia (dose di&#xE1;ria total de 400mcg). Se n&#xE3;o houver melhora, o paciente deve consultar o seu m&#xE9;dico.</li> </ul> <p><strong>Sga a orienta&#xE7;&#xE3;o de seu m&#xE9;dico, respeitando sempre os hor&#xE1;rios, as doses e a dura&#xE7;&#xE3;o do tratamento. </strong></p> <p><strong>N&#xE3;o interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu m&#xE9;dico.</strong></p> "}

Como o Amome funciona?

Amome tem como princípio ativo o furoato de mometasona monoidratado, um glicocorticoide tópico com ação anti-inflamatória local e sem ação sistêmica.

Tempo médio do início da ação

  • <li>O in&#xED;cio da a&#xE7;&#xE3;o clinicamente significativo &#xE9; de 7 a 12 horas ap&#xF3;s a primeira aplica&#xE7;&#xE3;o.</li>

O benefício máximo geralmente é atingido no período de 1 a 2 semanas após a administração ter sido iniciada. Os pacientes devem usar este medicamento conforme orientação e não devem aumentar a dose prescrita usando mais de uma vez ao dia na tentativa de aumentar a eficácia.

Quais cuidados devo ter ao usar o Amome?

Gravidez e amamentação

  • <li><strong>Este medicamento n&#xE3;o deve ser utilizado por mulheres gr&#xE1;vidas sem orienta&#xE7;&#xE3;o m&#xE9;dica ou do cirurgi&#xE3;o-dentista.</strong></li> <li>Informe ao m&#xE9;dico se est&#xE1; amamentando.</li>

Antes de iniciar o tratamento com Amome, informe ao seu médico se você fez cirurgia nasal recentemente; se apresenta feridas no nariz; algum tipo de infecção; se já esteve ou está com tuberculose; ou se apresenta infecção nos olhos por herpes simples (vírus).

Não dividir o medicamento com outra pessoa, nem utilizá-lo para tratamento de outras doenças.

Amome não deve ser aplicado nos olhos ou diretamente no septo nasal.

Entre em contato com o seu médico caso experiencie uma visão turva ou outros distúrbios visuais.

Não há evidência de supressão de eixo Hipotalâmico-Hipofisário-Adrenal (HPA) após tratamento prolongado com Amome. No entanto, os pacientes que passam de uma administração a longo prazo de corticosteroides sistemicamente ativos para Amome exigem uma atenção cuidadosa. A remoção do corticosteroide sistêmico nesses pacientes pode resultar em insuficiência adrenal por alguns meses até a recuperação da função do eixo HPA.

Quais as reações adversas e os efeitos colaterais do Amome?

Este medicamento é bem tolerado pela maioria dos pacientes; porém, informe seu médico o aparecimento de reações desagradáveis, como dor de cabeça, sangramento nasal, ardor ou irritação nasal, dor de garganta&nbsp;e visão turva. Raramente, podem ocorrer reações alérgicas a esse produto. Muito raramente, as reações são graves. Em caso de dificuldades na respiração, procure o seu médico.

Informe ao seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento. Informe também à empresa através do seu serviço de atendimento.

O que eu devo fazer quando esquecer de usar o Amome?

Se você se esquecer de usar este medicamento, use-o assim que se lembrar e então acerte o horário da utilização. Não use dose dobrada para compensar a dose esquecida.

Em caso de dúvidas, procure orientação do farmacêutico ou de seu médico, ou cirurgião-dentista.

Qual a composição do Amome?

Cada acionamento contém:

51,72 mcg&nbsp;(equivalente a 50 mcg de furoato de mometasona) de&nbsp;furoato de mometasona monoidratado.

Excipientes:&nbsp;celulose microcristalina, carmelose sódica, glicerol, ácido cítrico monoidratado, citrato de sódio, polissorbato 80, cloreto de benzalcônio e água para injetáveis.

Superdose: o que acontece se tomar uma dose do Amome maior do que a recomendada?

Não existem dados disponíveis sobre os efeitos de superdose aguda ou crônica com Amome. Pela baixa quantidade da substância que atinge o sangue e demais órgãos e pela ausência de achados sistêmicos agudos relacionados à medicação em estudos clínicos, é pouco provável que a superdose necessite de alguma terapia além de observação. A superdose aguda com essa apresentação é improvável.

Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível. Ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações.

Interação medicamentosa: quais os efeitos de tomar Amome com outros remédios?

Amome foi administrado juntamente com loratadina e foi bem tolerado.

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

Não use medicamento sem o conhecimento do seu médico. Pode ser perigoso para a sua saúde.

Qual a ação da substância do Amome (Furoato de Mometasona)?

Resultados de Eficácia

{"tag":"hr","value":" <h3>Uso adulto</h3> <p>O furoato de mometasona foi avaliado em tr&#xEA;s estudos cl&#xED;nicos duplo-cegos nos quais 737 pacientes mostraram melhor recupera&#xE7;&#xE3;o na fun&#xE7;&#xE3;o pulmonar e menor incid&#xEA;ncia de exacerba&#xE7;&#xF5;es asm&#xE1;ticas em rela&#xE7;&#xE3;o ao placebo. Em dois estudos cl&#xED;nicos, 440mcg de furoato de mometasona administrados uma vez ao dia e 220mcg de furoato de mometasona administrados duas vezes ao dia, produziram melhoras no FEV1 quando comparados com o placebo. Al&#xE9;m disso, taxas de fluxo expirat&#xF3;rio for&#xE7;ado (PEFR) melhoraram significativamente quando comparadas ao placebo. Tamb&#xE9;m houve redu&#xE7;&#xE3;o das exacerba&#xE7;&#xF5;es asm&#xE1;ticas (com 440mcg di&#xE1;rios) e redu&#xE7;&#xE3;o no uso de medica&#xE7;&#xE3;o resgate com agonistas-&#x3B2;2 quando comparadas ao placebo. No terceiro estudo cl&#xED;nico, pacientes que tomaram 200mcg de furoato de mometasona uma vez ao dia, administrado &#xE0; noite, obtiveram melhora significativamente maior no FEV1 quando comparados &#xE0;queles que tomaram placebo. O fluxo expirat&#xF3;rio m&#xE1;ximo (PEF), medido &#xE0; noite, melhorou 7% na linha de base no grupo que recebeu furoato de mometasona, versus 4% na linha de base do grupo que recebeu placebo&#xB9;.</p> <p>Estudo multic&#xEA;ntrico, duplo-cego, aleatorizado de pacientes com asma variando de gravidade leve a moderada receberam furoato de mometasona por p&#xF3; inalat&#xF3;rio (MF-DPI). Pacientes asm&#xE1;ticos sem corticosteroides inalat&#xF3;rios (12 anos ou mais) demonstraram melhora na doen&#xE7;a das vias respirat&#xF3;rias ao receber 200mcg de MF-DPI pela manh&#xE3; (n=72), 400mcg de MF-DPI (n=77), ou placebo (n=87) por um per&#xED;odo de 12 semanas. Os pacientes que receberam MF-DPI mostraram respostas superiores durante o tratamento, verificadas pelo FEV e FVC (FEV, Volume Expirat&#xF3;rio For&#xE7;ado; FVC, Capacidade Vital For&#xE7;ada). Os pacientes que receberam 400mcg de MF-DPI mostraram melhoras do PEFR em compara&#xE7;&#xE3;o com o placebo. Os pacientes que receberam MF-DPI precisaram de menores doses de resgate de agonistas-&#x3B2;2 em rela&#xE7;&#xE3;o &#xE0;queles que receberam placebo. O MF-DPI foi bem tolerado em ambas as doses. Os eventos adversos foram de leves a moderados. Devido &#xE0; resposta superior do grupo que recebeu 400mcg MF-DPI para PFER em rela&#xE7;&#xE3;o ao de 200mcg para PFER, os autores recomendam a dose inicial de 400mcg de MF-DPI como a ideal no regime terap&#xEA;utico di&#xE1;rio&#xB2;.</p> <p>Estudo duplo-cego, multic&#xEA;ntrico, controlado com placebo e com dura&#xE7;&#xE3;o de 12 semanas, comparou o uso inalat&#xF3;rio de 400mcg de p&#xF3; de furoato de mometasona (MF-DPI) uma vez ao dia, administrado &#xE0; noite com 200mcg do mesmo medicamento duas vezes ao dia, na melhora da fun&#xE7;&#xE3;o pulmonar e dos sintomas da asma. Sintomas de asma uso de albuterol (resgate) foram significativamente reduzidos nos grupos tratados por MF-DPI assim como a melhora da qualidade do sono, quando comparados com o grupo placebo. A &#xFA;nica diferen&#xE7;a entre as manifesta&#xE7;&#xF5;es asm&#xE1;ticas foi que durante a dose de 400mcg de MFDPI houve menos <a href=\"https://consultaremedios.com.br/gripes-e-resfriados/tosse/c\" target=\"_blank\">tosse</a>. Os eventos adversos em ambas as doses foram predominantemente infec&#xE7;&#xF5;es no trato respirat&#xF3;rio e cefaleia, variando de leves a moderadas&#xB3;.</p> <h3>Uso pedi&#xE1;trico</h3> <p>Estudo duplo-cego, de determina&#xE7;&#xE3;o de dose, aleatorizado, com dura&#xE7;&#xE3;o de 12 semanas. Pacientes com 12 anos ou superior receberam inala&#xE7;&#xE3;o de furoato de mometasona administrado por p&#xF3; inalante (MD-DPI) para verifica&#xE7;&#xE3;o da efic&#xE1;cia. O furoato de mometasona foi efetivo no al&#xED;vio dos sintomas da asma persistente sem causar supress&#xE3;o da fun&#xE7;&#xE3;o do eixo HPA. Os pacientes foram distribu&#xED;dos aleatoriamente para receber tratamento inalat&#xF3;rio a cada 12 horas com placebo, 168mcg de <a href=\"https://consultaremedios.com.br/dipropionato-de-beclometasona/bula\" target=\"_blank\">dipropionato de beclometasona</a>, ou 100mcg, 200mcg, ou 400mcg de furoato de mometasona. Tratamento com 200mcg de furoato de mometasona foi consistentemente mais eficaz que 100mcg de mometasona. Eventos adversos foram similares em todos os grupos de estudo: cefaleia, candid&#xED;ase na boca e na faringe.<sup>4 </sup></p> <p>Estudo com dura&#xE7;&#xE3;o de 12 semanas, multic&#xEA;ntrico, duplo-cego, de grupos paralelos controlados por placebo, avaliou 2 regimes de furoato de mometasona p&#xF3; inalat&#xF3;rio (100mcg a noite vs 100mcg duas vezes ao dia) em 296 crian&#xE7;as de 4 a 11 anos com asma. Melhoras significativas foram observadas em ambos os regimes em rela&#xE7;&#xE3;o ao placebo para FEV1, fluxo expirat&#xF3;rio for&#xE7;ado, capacidade vital for&#xE7;ada, fluxo m&#xE1;ximo expirat&#xF3;rio matutino e noturno, escores de sintomas de asma, uso de albuterol (resgate), despertares noturnos, resposta &#xE0; terapia, e qualidade de vida. Ambos os regimes de furoato de&amp;nbsp;mometasona DPI foram bem tolerados e melhoraram significativamente a fun&#xE7;&#xE3;o pulmonar, mantendo controle efetivo da asma e melhorando a qualidade de vida das crian&#xE7;as.<sup>5</sup></p> <p>Estudo onde o furoato de mometasona administrado por p&#xF3; inalat&#xF3;rio (MF-DPI) mostrou-se como eficiente no tratamento da gravidade de asma persistente, envolvendo melhora na atividade pulmonar, redu&#xE7;&#xE3;o de sintomas asm&#xE1;ticos, e redu&#xE7;&#xE3;o ou elimina&#xE7;&#xE3;o da necessidade de corticosteroides orais. O regime terap&#xEA;utico de 1 (uma) dose di&#xE1;ria foi eficaz em pacientes com asma persistente de leve a moderada que previamente receberam regimes de corticosteroides inalat&#xF3;rios (ICS), e em pacientes que receberam somente agonistas-&#x3B2;2 para al&#xED;vio dos sintomas. O regime de 1 (uma) dose di&#xE1;ria noturna de 200mcg revelou mais benef&#xED;cios do que o regime de 1 (uma) dose di&#xE1;ria matutina de 200mcg. Pacientes com asma severa que dependiam de corticosteroides orais (OCS) e de altas doses de ICS foram capazes de adquirir maior controle da asma quando trocaram suas medica&#xE7;&#xF5;es por MF-DPI. Em estudos de 1 ano de dura&#xE7;&#xE3;o, o MF-DPI foi bem tolerado e a maioria dos efeitos adversos foram considerados leves a moderados. A administra&#xE7;&#xE3;o de 200-400mcg de MF-DPI em pacientes com sintomas leves a moderados de asma foi efetiva na melhora da fun&#xE7;&#xE3;o pulmonar e no controle da asma. O tratamento com 400mcg de MF-DPI possibilitou redu&#xE7;&#xE3;o substancial do uso de corticosteroides orais.<sup>6</sup></p> <p>Atualmente, os guias de tratamento de asma recomendam a administra&#xE7;&#xE3;o de corticosteroides inalat&#xF3;rios (ICS) como tratamento de escolha no controle de asma leve a moderada em pacientes de todas as idades, incluindo crian&#xE7;as jovens. Em amplo estudo de revis&#xE3;o de literatura, foram analisados dados cl&#xED;nicos como: efic&#xE1;cia, seguran&#xE7;a no longo prazo, aus&#xEA;ncia de efeitos sist&#xEA;micos e a dose aprovada para crian&#xE7;as pelo FDA (ag&#xEA;ncia americana reguladora de medicamentos). A an&#xE1;lise mostrou que a dose di&#xE1;ria em crian&#xE7;as de 4-11 anos melhorou significativamente a fun&#xE7;&#xE3;o pulmonar e qualidade de vida, reduzindo o uso de medica&#xE7;&#xE3;o resgate e das exacerba&#xE7;&#xF5;es relacionadas ao uso com outros ICS. Foi verificada a aus&#xEA;ncia de efeitos sist&#xEA;micos no eixo hipotal&#xE2;mico-pituit&#xE1;rio-adrenal, ou na redu&#xE7;&#xE3;o do crescimento. Resultados de estudos pedi&#xE1;tricos s&#xE3;o consistentes e o regime de 1 (uma) dose mostrou seguran&#xE7;a. A facilidade no uso do MF-DPI pode ajudar na manuten&#xE7;&#xE3;o do controle da asma pela boa ader&#xEA;ncia ao tratamento.<sup>7</sup></p> <p><strong>Refer&#xEA;ncias Bibliogr&#xE1;ficas:</strong></p> <p><span style=\"font-size:11px\">1. Product Information: ASMANEX TWISTHALER(R) oral inhalation powder, mometasone furoate oral inhalation powder. Schering Corporation, Kenilworth, NJ, 2008.<br> 2. Nayak AS, Banov C, Corren J, et al. Once-daily mometasone furoate dry powder inhaler in the treatment of patients with persistent asthma. Ann Allergy Asthma Immunol. 2000; 84:417-24.<br> 3. Karpel JP, Busse WW, Noonan MJ, et al. Effects of mometasone furoate given once daily in the evening on lung function and symptom control in persistent asthma. Ann Pharmacother. 2005; 39(12):1977-83.<br> 4. Bernstein DI, Berkowitz RB, Chervinsky P, et al. Dose-ranging study of a new steroid for asthma: mometasone furoate dry powder inhaler. Respir Med. 1999; 93:602-12.<br> 5. Berger WE, Milgrom H, Chervinsky P, et al. Effects of treatment with mometasone furoate dry powder inhaler in children with persistent asthma. Ann Allergy Asthma Immunol. 2006;97:672&#x2013;80.<br> 6. Karpel JP, Nelson H. Mometasone furoate dry poder inhaler: a once-daily inhaled corticosteroid for the treatment of persistente asthma. Curr Med Res Opin. 2007 Nov;23(11):2897-911.<br> 7. Milgrom H. Mometasone furoate in children with mild to moderate persistent asthma, a review of the evidence. Pediatr Drugs. 2010; 12 (4): 213-21.</br></br></br></br></br></br></span></p> <h2>Caracter&#xED;sticas Farmacol&#xF3;gicas</h2> <hr> <p>Atua pela redu&#xE7;&#xE3;o da forma&#xE7;&#xE3;o, libera&#xE7;&#xE3;o, e atividade de mediadores qu&#xED;micos end&#xF3;genos da inflama&#xE7;&#xE3;o (cininas, histamina, enzimas lipossomais, prostaglandinas). Leuc&#xF3;citos e macr&#xF3;fagos devem estar presentes para o in&#xED;cio das respostas mediadas pelas subst&#xE2;ncias acima. Inibe a margina&#xE7;&#xE3;o e subsequente migra&#xE7;&#xE3;o celular para a &#xE1;rea da les&#xE3;o, e tamb&#xE9;m reverte a dilata&#xE7;&#xE3;o e a permeabilidade vascular aumentada, resultando em uma redu&#xE7;&#xE3;o do acesso das c&#xE9;lulas a esses locais lesionados.</p> <p>O furoato de mometasona &#xE9; um corticosteroide que demonstra uma potente atividade anti-inflamat&#xF3;ria. O mecanismo de a&#xE7;&#xE3;o do corticosteroide na asma ainda n&#xE3;o &#xE9; totalmente conhecido. A inflama&#xE7;&#xE3;o &#xE9; um importante componente na patog&#xEA;nese da asma. Os corticosteroides possuem muitos efeitos inibit&#xF3;rios sobre v&#xE1;rios tipos celulares (ex.: mast&#xF3;citos, <a href=\"https://minutosaudavel.com.br/eosinofilos/\" rel=\"noopener\" target=\"_blank\">eosin&#xF3;filos</a>, neutr&#xF3;filos, macr&#xF3;fagos e linf&#xF3;citos) e mediadores (ex.: histamina, eicosanoides, leucotrienos e citocinas) envolvidos na inflama&#xE7;&#xE3;o e resposta asm&#xE1;tica. Estas a&#xE7;&#xF5;es anti-inflamat&#xF3;rias dos corticoides podem contribuir para sua efic&#xE1;cia na asma. O funcionamento do furoato de mometasona baseia-se na liga&#xE7;&#xE3;o com o receptor corticoide. Estes receptores s&#xE3;o encontrados no citoplasma da maioria dos tipos celulares e s&#xE3;o muito expressados no&amp;nbsp;epit&#xE9;lio pulmonar e no epit&#xE9;lio dos br&#xF4;nquios. Uma vez ligado ao receptor, os genes que produzem as <a href=\"https://minutosaudavel.com.br/proteinas/\" rel=\"noopener\" target=\"_blank\">prote&#xED;nas</a> anti-inflamat&#xF3;rias s&#xE3;o ativados. Tamb&#xE9;m possui efeitos na hiper-responsividade br&#xF4;nquica, capaz de provocar decr&#xE9;scimo de 20% no volume expirat&#xF3;rio for&#xE7;ado (PC20) em 1 segundo.</p> <p>O furoato de mometasona &#xE9; extensamente metabolizado pelo <a href=\"https://consultaremedios.com.br/aparelho-digestivo/figado/c\" target=\"_blank\">f&#xED;gado</a>, principalmente pelo sistema enzim&#xE1;tico CYP3A4. Estudos <em>in vitro</em> demonstraram que o furoato de mometasona possui alta afinidade com o receptor glicocorticoide humano, muito maior que a <a href=\"https://consultaremedios.com.br/dexametasona/bula\" target=\"_blank\">dexametasona</a>, fluticasona, <a href=\"https://consultaremedios.com.br/budesonida/bula\" target=\"_blank\">budesonida</a> ou triancinolona. Os corticosteroides possuem a capacidade de suprimir a atividade do eixo Hipot&#xE1;lamoPituit&#xE1;rio-Adrenal (HPA), causando inibi&#xE7;&#xE3;o por retroalimenta&#xE7;&#xE3;o negativa. O furoato de mometasona possui efeito m&#xED;nimo sobre a fun&#xE7;&#xE3;o do eixo HPA em pacientes com asma leve a moderada. Este f&#xE1;rmaco &#xE9; muito pouco absorvido sistemicamente ap&#xF3;s sua inala&#xE7;&#xE3;o, e seus efeitos s&#xE3;o principalmente pulmonares.</p> <p>O furoato de mometasona possui meia vida de aproximadamente 5h e um volume de distribui&#xE7;&#xE3;o m&#xE9;dio de 152L. A liga&#xE7;&#xE3;o &#xE0;s prote&#xED;nas, <em>in vitro</em>, &#xE9; de 98 a 99%.</p> </hr>"}

Como devo armazenar o Amome?

Conservar em temperatura ambiente (entre 15 e 30ºC). Proteger da luz.

O prazo de validade é de 24 meses, contados a partir da data de fabricação. Após aberto, o produto contendo 60 doses/acionamentos é válido por 30 dias e o produto contendo 120 doses/acionamentos é válido por 60 dias.

Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem.

Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o em sua embalagem original.

Características do medicamento

Amome apresenta-se como uma suspensão espessa translúcida, de cor branca a esbranquiçada, contida num frasco de plástico opaco branco, que contém um dispositivo de pulverização nasal dosimetrada.

Antes de usar, observe o aspecto do medicamento. Caso ele esteja no prazo de validade e você observe alguma mudança no aspecto, consulte o farmacêutico para saber se poderá utilizá-lo.&nbsp;

Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

Apresentações do Amome

Suspensão spray nasal 50 mcg/acionamento

Embalagens contendo 1 frasco de 9g de peso líquido equivalente a 60 acionamentos ou 1 frasco de 18g de peso líquido equivalente a 120 acionamentos.

Via de administração: nasal.

Uso adulto e pediátrico acima de 2 anos.

Dizeres Legais do Amome

M.S -&nbsp;1.7817.0887

Farm. Resp.:
Luciana Lopes da Costa
CRF-GO nº 2.757

Registrado por:
Cosmed Indústria de Cosméticos e Medicamentos S.A
Rua Bonnard (Green Valley I) nº 980 - Bloco 12 - Nível 3 - Sala A
Alphaville Empresarial - Barueri - SP
CEP 06465-134
C.N.P.J.: 61.082.426/0002-07




Fabricado por:
Glenmark Pharmaceuticals Ltd
Baddi, Índia

Importado por:
Cosmed Indústria de Cosméticos e Medicamentos S.A
VPR 1 - Quadra 02-A - Módulo 5 -Daia
Anápolis - GO
CEP: 75132-020
CNPJ: 61.082.426/0016-02




Venda sob prescrição médica.

Fabricante: Cosmed

© 2021 Medicamento Lab.